Produção científica em áreas multidisciplinares: educação a distância no Brasil

Autores

  • Fernanda Schweitzer Universidade Federal de Santa Catarina.
  • Rosângela Schwarz Rodrigues Universidade Federal de Santa Catarina.

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1981-0695.2013v8n2.18694

Resumo

O presente trabalho identifica a comunidade científica de bolsistas do CNPq responsável pela produção científica em Educação a Distância no Brasil na plataforma Lattes. A pesquisa desenvolvida é exploratória e descritiva, com abordagem documental e enfoque quanti-qualitativo, que envolve o levantamento, a análise e classificação das informações, a tabulação e a interpretação dos dados. A pesquisa foi desenvolvida com a compilação das informações disponibilizadas pelos pesquisadores no currículo disponível na Plataforma Lattes do CNPq. Para coleta de dados, foi desenvolvido um banco de dados no formato Access, com campos para que fosse possível: a) construir o perfil acadêmico dos pesquisadores; b) analisar a construção da comunidade científica e c) identificar os principais canais de disseminação da produção científica. O corpus de pesquisa compreendeu os pesquisadores cadastrados na Plataforma Lattes do CNPq, doutores atuantes em universidades públicas e bolsistas de produtividade que possuíam produção científica relacionada com Educação a Distância entre 1998 e 2008. Os principais veículos de disseminação das informações científicas da área são os anais de eventos (64%), seguidos de publicações em periódicos (23%). Concluiu-se que a Educação a Distância é uma área multidisciplinar ainda não consolidada, com poucos canais próprios para divulgação das pesquisas. Palavras-chave: Educação a distância. Produção científica. Canais de disseminação. Link para o texto completo (PDF) http://www.seer.ufrgs.br/index.php/EmQuestao/article/view/30924/26276

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fernanda Schweitzer, Universidade Federal de Santa Catarina.

Mestre; Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Rosângela Schwarz Rodrigues, Universidade Federal de Santa Catarina.

Doutora; Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Publicado

2014-03-29

Edição

Seção

Resumos de artigos científicos