A atuação da discoteca Oneyda Alvarenga na construção do patrimônio imaterial: revendo uma trajetória

Autores

  • Ana Paula Silva ECI/UFMG
  • Alcenir Soares dos Reis ECI/UFMG

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1981-0695.2014v9n1.19472

Resumo

Pretende-se, neste artigo discorrer a respeito do significado e a importância da participação da Discoteca Oneyda Alvarenga no trabalho realizado em termos dos processos de construção do patrimônio cultural Imaterial, evidenciando a sua originalidade e inovações em acervos musicológicos e etnográficos. A partir da constituição de acervo etnográfico criado através das viagens promovidas pela Missão de Pesquisas Folclóricas deu-se início no Brasil aos estudos científicos dedicados à cultura brasileira, gravados em suporte não convencional. Todos os materiais recolhidos pela Missão foram organizados por Oneyda Alvarenga e encontra-se disponível a consultas públicas na Discoteca Oneyda Alvarenga, na cidade de São Paulo - hoje este acervo encontra-se no Centro Cultural São Paulo. A discussão deste tema, no âmbito da Ciência da Informação, acredita-se, poderá contribuir no sentido de instalar-se o debate desta questão, e constituir-se em um importante espaço para a produção de conhecimento acerca da manutenção e gerenciamento de acervos não convencionais, destacando-se patrimônio cultural, folclore, acervo audiovisual, informação. Palavras-chave: Patrimônio cultural. Folclore. Acervo audiovisual. Informação. Link para o texto completo (PDF) http://portaldeperiodicos.eci.ufmg.br/index.php/pci/article/view/1840/1216

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Paula Silva, ECI/UFMG

Graduada em Biblioteconomia. Mestre em Ciência da Informação pela Escola de Ciência da Informação da Universidade Federal de Minas Gerais. Doutoranda do Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação da ECI/UFMG. Analista de Políticas Públicas da Prefeitura de Belo Horizonte.

Alcenir Soares dos Reis, ECI/UFMG

Professora Associada da Escola de Ciência da Informação da Universidade Federal de Minas Gerais. Doutora em Educação pela FAE/ UFMG. Mestre em Biblioteconomia pela ECI/UFMG

Publicado

2014-06-20

Edição

Seção

Resumos de artigos científicos