Muito além de um bom negócio: políticas públicas culturais para sermos bons ancestrais

Autores

  • Mário Gouveia Júnior Universidade Federal de Pernambuco.
  • Marcos Galindo Lima Universidade Federal de Pernambuco.

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1981-0695.2014v9n2.22323

Resumo

Este trabalho é parte da dissertação defendida no Programa de PósGraduação em Ciência da Informação da Universidade Federal de Pernambuco. Evocam-se abordagens sobre políticas públicas de incentivo à cultura, bem como o papel do Estado e da sociedade no sentido de se desenvolverem propostas de ação para uma maior consciência coletiva em torno das responsabilidades socioculturais. Abordam-se a lógica do financiamento de instituições de cultura e a necessária atuação/intervenção do governo. O financiamento da cultura, contudo, não deve ser dissociado das análises de políticas culturais e da responsabilidade dos governos federal, estadual e municipal, ainda que haja parcerias com instituições privadas. Indicam-se, ainda, noções dicotômicas de meritocracia.

Palavras-chave: Políticas públicas. Financiamento cultural. Responsabilidade social. Meritocracia.

 

Link para o texto completo (PDF)

http://www.seer.ufrgs.br/index.php/EmQuestao/article/view/35656/31038

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mário Gouveia Júnior, Universidade Federal de Pernambuco.

Mestre; Universidade Federal de Pernambuco (UFPE);

Marcos Galindo Lima, Universidade Federal de Pernambuco.

Doutor; Universidade Federal de Pernambuco (UFPE);

Publicado

2014-12-29

Edição

Seção

Resumos de artigos científicos