Gestão da Informação: estudo comparativo entre quatro modelos

Autores

  • Lívia Ferreira de Carvalho Universidade de Brasília.
  • Rogerio Henrique de Araújo Júnior Universidade de Brasília.

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1981-0695.2014v9n2.22362

Resumo

O artigo faz um estudo comparativo entre quatro modelos de Gestão da Informação (GI), sendo eles o de Davenport (1998), Choo (1998), Marchand (2000) e Rascão (2006), com o objetivo de identificar semelhanças entre eles, e verificar quais mecanismos propõem para uma gestão efetiva dos recursos informacionais nas organizações. Evidenciou-se que todos os modelos partem do pressuposto de que a informação existe e além de existir, está disponível; apontam que a identificação de necessidades informacionais é condição básica para a GI, e pressupõem a criação de um ambiente favorável ao compartilhamento de informações.

Palavras-chave: Gestão da Informação. Modelo ecologia da informação – Davenport. Modelo alinhamento estratégico da informação – Marchand. Modelo de operacionalização da gestão estratégica da informação – Rascão. Modelo de gerenciamento da informação no monitoramento ambiental – Choo.

 

Link para o texto completo (PDF)

http://www.seer.furg.br/biblos/article/view/4159/3000

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lívia Ferreira de Carvalho, Universidade de Brasília.

Professora da Faculdade de Informação e Comunicação da Universidade Federal de Goiás; mestre em Ciência da Informação pela Universidade de Brasília.

Rogerio Henrique de Araújo Júnior, Universidade de Brasília.

Professor Adjunto da Faculdade de Ciência da Informação da UnB; doutor em Ciência da Informação pela UnB.

Publicado

2014-12-30

Edição

Seção

Resumos de artigos científicos