As tecnologias assistivas e a pessoa cega

Autores

  • Elton Luiz Vergara Nunes Universidade Federal de Santa Catarina.
  • Gertrudes Aparecida Dandolini Universidade Federal de Santa Catarina.
  • João Artur de Souza Universidade Federal de Santa Catarina.

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1981-0695.2014v9n2.22376

Resumo

O presente artigo discute os resultados da pesquisa qualitativa intitulada “As tecnologias assistivas utilizadas por pessoas cegas em seu cotidiano”, que teve por objetivo identificar o seu efetivo uso, bem como verificar, dentre elas, quais são as mais utilizadas por sujeitos cegos em suas atividades diárias. A pesquisa buscou também identificar a relevância dessas tecnologias na mediação da inclusão social das pessoas cegas. Para tanto, o artigo apresenta, inicialmente, uma revisão da literatura que trata da deficiência visual e da Tecnologia Assistiva. Na sequencia, a revisão da literatura é articulada com os resultados da pesquisa, numa discussão entre teoria, tendências e opinião dos sujeitos, apontando para a importância desses recursos na vida dos respondentes. Na parte final, é apresentada uma reflexão sobre as dificuldades de acesso a essas tecnologias, muitas vezes agravada por políticas governamentais adotadas sem o devido conhecimento das reivindicações das pessoas cegas. Finalmente, a pesquisa revelou que muitas das soluções desejadas pelos usuários já existem, sendo, porém, desconhecidas ou inacessíveis a eles; evidenciou também que as melhores soluções resultam do trabalho de cooperação entre pesquisadores e usuários e de incentivos governamentais.

Palavras-chave: Tecnologias assistivas. Deficiência visual. Acessibilidade. Inclusão. Pessoas cegas.

 

Link para o texto completo (HTM)

http://dgz.org.br/fev14/Art_05.htm

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Elton Luiz Vergara Nunes, Universidade Federal de Santa Catarina.

Professor adjunto da Universidade Federal de Pelotas e doutorando do Programa de Pós-Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento da Universidade Federal de Santa Catarina.

Gertrudes Aparecida Dandolini, Universidade Federal de Santa Catarina.

Doutorado em Engenharia de Produção. Professora do Programa de Pós Graduação em Engenharia e Gestão do Conhecimento da UFSC.

João Artur de Souza, Universidade Federal de Santa Catarina.

Doutorado em Engenharia de Produção. Professor Associado da Universidade Federal de Santa Catarina.

Publicado

2014-12-30

Edição

Seção

Resumos de artigos científicos