Contação de História como Mediação de Leitura: contribuição na formação do Bibliotecário

Autores

  • Ivanice Prado da Silva Universidade Federal de Alagoas
  • Winglyd Thais do Nascimento da Silva Universidade Federal de Alagoas
  • Adriana Lourenço Universidade Federal de Alagoas

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1981-0695.2017v12n1.34184

Resumo

O presente trabalho objetivou analisar a grade curricular dos cursos de Biblioteconomia nas Universidades do Nordeste, buscando assim, possíveis disciplinas ou projetos de extensão que tenham alguma relação com a contação de histórias, abordando a mediação de leitura como uma ferramenta para o bibliotecário no processo de incentivo a prática da leitura no cotidiano do leitor. A metodologia utilizada foi a pesquisa exploratória, em que a análise dos dados foi realizada através das observações e interpretações obtidas através dos sites dos cursos de Biblioteconomia no nordeste. Pelos resultados dessa pesquisa foi possível observar que a mediação de leitura, através da contação de histórias, é uma grande estratégia para a formação no processo de novos leitores e que o bibliotecário tem, em sua formação, meios que contribuam para o desenvolvimento dessa prática. Palavras-chave: Mediação de leitura. Contação de histórias. Bibliotecário mediador. Link: http://www.seer.ufal.br/index.php/cir/article/view/2542

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ivanice Prado da Silva, Universidade Federal de Alagoas

Bacharel em Biblioteconomia, Universidade Federal de Alagoas

Winglyd Thais do Nascimento da Silva, Universidade Federal de Alagoas

Bacharel em Biblioteconomia, Universidade Federal de Alagoas

Adriana Lourenço, Universidade Federal de Alagoas

Mestra em Ciência da Informação, Professora do Curso de Biblioteconomia, Universidade Federal de Alagoas

Publicado

2017-05-29

Edição

Seção

Resumos de artigos científicos