A Ciência da Informação na sociedade multicultural: o paradigma social como paradigma emergente

  • Jorge Santa Anna Universidade Federal de Minas Gerais

Resumo

Os paradigmas que sustentam as áreas do conhecimento e as devidas profissões a elas relacionadas devem estar em constante redefinição, considerando os novos desafios e mudanças que ocorrem ao longo dos tempos. Esses paradigmas devem emergir em consonância com as necessidades do ambiente social, considerando, principalmente, limitações e especificidades do ser humano. Assim, este estudo teórico tematiza a Ciência da Informação e sua redefinição na Sociedade Multicultural. Objetiva discorrer acerca das contribuições do paradigma social, refletindo acerca de sua consolidação como paradigma emergente para a Ciência da Informação na Sociedade Multicultural. Discorre acerca dos aspectos da Sociedade Multicultural e as características do paradigma social da Ciência da Informação. Apresenta fundamentação que justifica tal paradigma como emergente para a sociedade pós-moderna e para a Ciência da Informação. Conclui que o acesso à informação, a democratização do conhecimento, bem como o estudo da comunicação entre humanos, tendências essas oriundas do paradigma social, constituem os pilares centrais na promoção de uma sociedade pautada em diferenças, mas conduzida pela libertação e aceitação.

Palavras-chave: Sociedade Multicultural. Paradigmas da Ciência da Informação. Paradigma social.

Link: http://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/biblio/article/view/32504/17820

Biografia do Autor

Jorge Santa Anna, Universidade Federal de Minas Gerais
Mestrando do PPG Gestão e Organização do Conhecimento - UFMG
Publicado
2017-10-04
Seção
Resumos de artigos científicos