Mediação e letramento informacional: algumas considerações

Resumo

A presença das TIC na Educação atinge diferentes espaços de letramentos, em particular, a biblioteca.Os bibliotecários sempre contribuíram regularmente com a formação dos alunos através da mediação, no processo de escolarização, não apenas com as fontes de consulta para o acesso à informação, mas também para a aquisição de habilidades informacionais em um processo cada vez mais intensificado com o excesso de informação. Esse processo, conhecido como letramento ou competência informacional, tem sido compreendido como o aprendizado necessário para lidar com a quantidade de informação disponível em todas as áreas do conhecimento, com raízes nas práticas de treinamento e educação de usuários. Estas práticas embasam, também, as reflexões na área da Biblioteconomia sobre o perfil educador do bibliotecário. A quantidade de trabalhos sobre relatos de práticas e experiências nacionais ainda é pequena. Há que se desenvolver o conceito de letramento informacional no ensino da Biblioteconomia e compartilhar mais narrativas de práticas e experiências a fim de implementar uma mediação mais significativa na biblioteca universitária.

Palavras-chave: Letramento informacional. Competência em informação. Mediação. Biblioteca universitária.

Link: http://racin.arquivologiauepb.com.br/edicoes/v4_n2/racin_v4_n2_artigo01.pdf

Biografia do Autor

Regina Oliveira Almeida, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - Unirio
Doutora em Educação pela Universidade Estácio de Sá - RJ (2015). Mestre em Educação pela Fundação Getúlio Vargas - RJ (1994). Graduada em Medicina (1985) e Biblioteconomia e Documentação pela Universidade Federal Fluminense (UFF, 2009).
Publicado
2017-10-19
Seção
Resumos de artigos científicos