A influência da teoria pós-custodial de Terry Cook como prenuncio da socialização da arquivística, do arquivista e dos arquivos

Resumo

A socialização da informação na Arquivologia contemporânea assume uma mudança de paradigma em dois momentos: do custodial para o pós-custodial e se configura como pressuposto fundamental para solidificação social e teórica de uma construção do conhecimento Arquivístico. Nessa perspectiva, a Arquivologia oportuniza uma redimensão das suas abordagens pragmáticas, principalmente nos seus pressupostos normativos. Sendo assim, este artigo objetivou refletir a socialização da Arquivística a partir da Teoria pós-custodial dirimida por Terry Cook, partindo da hipótese de que os domínios entre a Arquivística custodial e Arquivística pós-custodial precisam ser mais problematizadas em prol do aprofundamento teórico e da aplicabilidade prática. Em termos metodológicos, a pesquisa fundou-se na abordagem qualitativa, do tipo bibliográfico, assumindo uma dimensão teórica e buscando compreender a função da Arquivística, do Arquivista e dos arquivos na sociedade. Desse modo, ressalta que a disseminação da informação é o resultado da implantação da gestão documental, cuja abordagem pós-custodial enfatiza a participação do profissional arquivista nos procedimentos de gerenciamento informacional e na presunção ativa da disseminação da informação. Entretanto, a concepção clássica da Arquivologia está interligada aos aparatos de custódia e dos atos normativos. Por conseguinte, conclui-se que as dificuldades de socializar as informações aos cidadãos é um meio para a utilização de novos aportes teóricos. Contudo, Terry Cook trouxe uma grande contribuição ao mencionar o caráter social dos arquivistas e sua relação em todo o processo da gestão de documentos atuando agora não como “guardião de papéis”, mas como partícipe produtivo no interior das instituições.

Palavras-chave: Arquivologia custodial. Pós-custodial. Terry Cook. Socialização dos arquivos.

Link: http://racin.arquivologiauepb.com.br/edicoes/v4_n2/racin_v4_n2_artigo06.pdf

Biografia do Autor

Luiz Eduardo Ferreira Silva, Universidade Federal da Paraíba - UFPB
Professor assistente do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Doutorando e Mestre pela Ciência da Informação pela UFPB. Graduado em Arquivologia (2011) e em História (2010) pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB).
Amanda Marissa Soares Silva, Universidade Federal do Pará - UFPA
Graduanda do curso de Arquivologia da Universidade Federal do Pará (UFPA).
Publicado
2017-10-19
Seção
Resumos de artigos científicos