A reforma de 1935: sinalizando a constituição de bibliotecas escolares no Sistema Estadual de Ensino de Santa Catarina

Autores

  • Alzemi Machado Biblioteca Pública do Estado de Santa Catarina

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1981-0695.2018v13n1.39731

Resumo

O presente artigo objetiva investigar a reforma do ensino em Santa Catarina ocorrida em 1935, a partir do Decreto n. 713, de 05 de janeiro desse mesmo ano, fortalecida pelas Instruções da Portaria nº 04 de 13 de janeiro de 1937, documento regulamentador contendo as recomendações para a organização das Bibliotecas Escolares na Rede Pública do Estado de Santa Catarina. Para a consecução da investigação, foram definidas questões norteadoras, objetivando verificar e analisar as estratégias utilizadas pelos dirigentes do Departamento de Educação, bem como as representações que livros e a leitura passam a ter no âmbito da reforma, a partir das prescrições estabelecidas na documentação oficial.

Palavras-chave: Reforma Educacional. Legislação do Ensino. Biblioteca Escolar.

Link: https://revista.acbsc.org.br/racb/article/view/1340/pdf

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alzemi Machado, Biblioteca Pública do Estado de Santa Catarina

Mestre em Educação e Cultura pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). Bacharel em Biblioteconomia pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC). Bibliotecário da Biblioteca Pública do Estado de Santa Catarina

Publicado

2018-06-28

Edição

Seção

Resumos de artigos científicos