Um estudo sobre os concursos públicos para arquivistas no Brasil

Autores

  • Karina Xavier Holstein UFRGS
  • Moisés Rockembach UFRGS

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1981-0695.2018v13n1.40448

Resumo

O estudo teve como objetivo uma análise dos diferentes aspectos relacionados às provas de concurso público para Arquivista no Brasil, buscando reconhecer as relações entre os principais assuntos exigidos nas questões e o referencial teórico arquivístico. Como procedimentos metodológicos, identificou as áreas de maior destaque da Arquivologia no âmbito das questões e desenvolveu levantamentos qualitativo e quantitativo dos resultados, bem como análise da distribuição geográfica das provas. Os dados demonstraram que os tópicos não são cobrados com a mesma proporção e que certos assuntos importantes são negligenciados, ao mesmo tempo em que a citação de bibliografia é escassa. Os resultados indicaram que há concentração maior de concursos para Arquivista em regiões onde há curso de graduação na área.

Palavras-chave: Arquivologia. Concurso Público. Mapeamento Geográfico. Referencial Teórico

Link: http://www.periodicos.ufpb.br/index.php/biblio/article/view/34242/18823

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Karina Xavier Holstein, UFRGS

UFRGS

Moisés Rockembach, UFRGS

UFRGS

Publicado

2018-06-28

Edição

Seção

Resumos de artigos científicos