Percepções sobre a mediação cultural em bibliotecas na literatura nacional e estrangeira

  • Alessandro Rasteli
  • Rosângela Formentini Caldas

Resumo

Resumo

Nas últimas décadas, o termo mediação ganhou cada vez mais projeção em estudos e pesquisas na Ciência da Informação. Contudo, apesar de trabalhada nesta área do conhecimento, a mediação, em um contexto cultural, ainda é um conceito embrionário e premente de uma construção de sentidos mais sólida. Desse modo, o estudo tem como objetivo empreender um levantamento bibliográfico de textos produzidos tanto no Brasil quanto em outros países, com ênfase, porém, na França, local com proeminente produção sobre o tema, a fim de explicitar o conceito de mediação. Dessa maneira, tenta-se promover conexões que avancem na compreensão e definição da mediação cultural no contexto da biblioteca, tão plural e complexo, avançando na compreensão e definição da mediação cultural no contexto da biblioteca. Utilizou-se, como procedimento metodológico, pesquisa de abordagem qualitativa, exploratória, cujo método utilizado foi a pesquisa bibliográfica. Os resultados apontam que o conceito de mediação ganha destaque por sua centralidade nas interações sociais e mediações simbólicas, passando a ser compreendido como uma ação inerente a todo fazer do profissional da informação, dando maior relevo à responsabilidade social desse agente mediador e também da biblioteca enquanto espaço de construção de sentidos.

Palavras-chave: Apropriação cultural; Biblioteca; Bibliotecário; Cultura e informação; Mediação cultural.
Publicado
2018-11-09
Seção
Resumos de artigos científicos