Os arquivos da ditadura no Brasil: os inquéritos policiais no Superior Tribunal Militar (1964-1969)

Resumo

O presente texto resume a conferência que proferi no IX Seminário de Saberes Arquivísticos (SESA), realizado entre 7 e 9 de março de 2019 na Universidade de Coimbra, Portugal. O extrato da apresentação que se segue contextualiza e expõe resultados de pesquisa em torno dos 5.410 documentos componentes do Inquérito Policial Militar (IPM) desenvolvido entre 1964 e 1969 no âmbito do IV Exército, sediado em Recife, e que tem como indiciados 52 ativistas da Paraíba (Brasil).

Biografia do Autor

Afonso Celso Scocuglia, UFPB e UEPB
Departamento de Fundamentação, Centro de Educação da UFPB. Departamento de Arquivologia, CCBSA da UEPB
Publicado
2019-07-30
Seção
Memória