Lugar de fala, representações e representatividade de mulheres e LGBTQ+ na Biblioteconomia a partir das ações extensionistas e de pesquisa no Brasil

  • Denise Braga Sampaio Universidade Federal da Paraíba
  • Izabel França de Lima Universidade Federal da Paraiba

Resumo

Trata das interações das graduações em biblioteconomia com a prática extensionista como campo mediador entre o devir do graduando e do docente e as demandas sociais advindas das comunidades sub-representadas, especialmente as ligadas a gênero (mulheres e LGBT). Objetiva-se refletir sobre as possibilidades descortináveis da profissão, e dos estudos que dela derivam, sobre a atuação da área em relação às comunidades sub-representadas, em uma perspectiva de gênero. Extensivamente, objetiva-se mapear os projetos de pesquisa e as ações extensionistas dos cursos de bacharelado em Biblioteconomia de Universidades Federais (UF) e Estaduais (UE) que digam respeito a gênero e sexualidade, para responder à questão ‘Como estão articuladas, a nível nacional, as ações extensionistae de pesquisa da Biblioteconomia voltadas à temática de gênero e sexualidade?’. Utiliza-se, desta forma, da pesquisa documental, por meio da busca de ações extensionistas ligadas à temática nos sítios das Universidades Federais e Estaduais do Brasil, arrazoando os achados por intermédio da análise de conteúdo. Teve-se por resultado uma baixa incidência de ações extensionistas voltadas às comunidades LGBT e de mulheres, o que demonstra um olhar ainda fosco da área em relação ao seu papel como agente de modificação da realidade de grupos socialmente vulneráveis.

Palavras-chave:Extensão universitária. Biblioteconomia Social. Comunidades Sub-representadas. Gênero. Mulheres. LGBT.

Link: https://periodicos.ufca.edu.br/ojs/index.php/folhaderosto/article/view/361/311

 


Biografia do Autor

Denise Braga Sampaio, Universidade Federal da Paraíba
Doutoranda do Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação da Universidade Federal da Paraíba, sob o fomento da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Paraíba (Fapesq).Mestre em Ciência da Informação, pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Bacharel em Biblitoeconomia, pela Universidade Federal do Ceará (UFC).
Izabel França de Lima, Universidade Federal da Paraiba
Professora adjunta da Universidade Federal da Paraíba(UFPB).Docente do Programa de Pós-graduação em Ciência da Informação (PPGCI/(UFPB).Doutora em Ciênciada Informação, pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Mestre em Educação, pela UFPB.Especialista em Gestão de Unidades de Informação, pela UFPB. Bacharel em Biblioteconomia e Administração, pela UFPB
Publicado
2019-09-21
Seção
Resumos de artigos científicos