Sistemas de Informação de Pesquisa: uso da ontologia de VIVO no contexto das instituições brasileiras

Autores

  • Rafael Port da Rocha Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Sandra Beatriz Rathke Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1981-0695.0vn0.52971

Resumo

Este artigo analisa as características da ontologia do VIVO-ISF em relação ao seu uso no domínio de instituições universitárias brasileiras, a fim de subsidiar a utilização do ambiente VIVO como sistema de informação de pesquisa no Brasil. O trabalho identificou os objetivos, o escopo e características de modelagem
da ontologia, levando em consideração aspectos em ontologias que beneficiam o desenvolvimento de aplicativos da web. Também analisou a ontologia quanto ao seu uso para descrever uma instituição brasileira, representada pela Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação (Fabico), parte da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Os recursos, as unidades, as atividades e as posições administrativas da Fabico/UFRGS foram identificadas na forma em que foram definidas por documentos legais, como estatutos e regimentos; e foram descritas de acordo com a ontologia VIVO-ISF. O estudo concluiu que a ontologia VIVO-ISF foi desenvolvida a partir de uma base conceitual bem fundamentada, a partir do reuso da ontologia de alto nível Basic Formal Ontology (BFO), trazendo facilidades para representar o amplo domínio acadêmico e para a realizar de extensões que incorporam características institucionais locais. A ontologia também proporciona interoperabilidade, reutilizando classes genéricas de BFO e selecionando classes de ontologias de domínio populares, como FOAF, Event, BiBO. A ontologia também é capaz de representar uma instituição acadêmica brasileira, fornecendo uma estrutura semântica bem definida para integração de dados da web que agiliza o processo de colaboração interdisciplinar e interinstitucional para a formação de redes de pesquisa, incluindo instituições brasileiras.

Palavra-chave: VIVO; Sistemas de Informação de Pesquisa; Redes de Comunidades de Pesquisa; Ontologia

Link: http://www2.marilia.unesp.br/revistas/index.php/bjis/article/view/9275/6087

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rafael Port da Rocha , Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação.

Publicado

2020-06-30

Edição

Seção

Resumos de artigos científicos