Gestão da informação científica e tecnológica: relações temáticas dos projetos de iniciação científica da Universidade Federal do Ceará

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1981-0695.2020v15n4.56655

Resumo

A produção do conhecimento científico se dá pela interação entre pesquisadores, tendo por objetivo a socialização das informações, com o intuito de auxiliar o desenvolvimento da ciência e da tecnologia visando o desenvolvimento social. No âmbito universitário, a produção do conhecimento científico se dá em diversas modalidades, neste artigo abordaremos as relações estabelecidas pelos projetos do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica da Universidade Federal do Ceará. Tais colocações nos impulsionou a desenvolver uma pesquisa visando responder a seguinte questão de partida: Os projetos de pesquisa vinculados ao Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica da Universidade Federal do Ceará possuem interações entre si permitindo estabelecer relações temáticas entre as comunidades, proporcionando a formação de uma rede de conhecimento científico? Hipótese: Os projetos do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica podem gerar conhecimento estratégico que beneficie a produção científica e tecnológica da instituição por meio de suas interações, para atender as demandas no âmbito da pesquisa. Objetivo básico: Identificar a existência de redes de conhecimento científico da Universidade Federal do Ceará, por meio do mapeamento dos projetos visando apresentar as interações temáticas entre as comunidades. Trata-se de uma pesquisa teórica-conceitual e do ponto de vista metodológico a pesquisa é descritiva-exploratória, com abordagem quanti-qualitativa, do tipo documental por trabalhar com os projetos científicos. Os resultados permitem inferir que a relação das temáticas abordadas nos projetos científicos, apresentou-se inúmeras possibilidades de dinâmicas de relacionamentos entre as comunidades científicas. Conclui que a análise das características e relações intrínsecas na rede de colaboração poderá servir de subsídios para a comunicação entre os pesquisadores que atuam com temas relacionados, bem como novas possibilidades de relação fortalecendo assim a produção científica e construção do conhecimento visando uma gestão de informação científica que contemple as relações entre as pesquisas e seus benefícios, independente da área de concentração.

 

Palavras-chave: Gestão da informação. Informação científica. Relações temáticas. Organização do conhecimento.

 

Link: https://periodicos.unb.br/index.php/RICI/article/view/31095

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gabriela Belmont de Farias, Universidade Federal do Ceará

Universidade Federal do Ceará, Departamento de Ciências da Informação, Fortaleza, CE, Brasil.

Andreza Pereira Batista, Universidade Federal do Ceará

Universidade Federal do Ceará, Departamento de Ciências da Informação, Fortaleza, CE, Brasil.

Publicado

2020-12-27

Edição

Seção

Resumos de artigos científicos