Apontamentos sobre o Campo do Secretariado Executivo no contexto brasileiro: identidade científica e reconhecimento

Autores

  • Rúbia Wanessa dos Reis Cruz
  • Anna Elizabeth Galvão Coutinho Correia

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.1981-0695.2020v15n4.56918

Resumo

A fragilidade de uma identidade científica autônoma e o reconhecimento pelos órgãos brasileiros de fomento à pesquisa são desafios para a área de Secretariado Executivo na contemporaneidade. Assim, o objetivo deste trabalho é identificar características na produção científica atual dos seus pesquisadores que apontem áreas de enquadramento e avaliação pelo CNPq e pela CAPES e um delineamento autônomo na sua identidade. Trata-se de uma pesquisa exploratória, tomando-se como objeto de análise os artigos publicados em periódicos no último quadriênio de avaliação (2013-2016) pelos docentes mestres e doutores vinculados aos cursos de Bacharelado em Secretariado Executivo das instituições públicas do Brasil. Nos resultados, apresentam-se a distribuição de mestres e doutores por Instituição, os periódicos de publicação, as áreas de abrangências e temáticas de produção abordadas, e como essas informações apontam o enquadramento do Secretariado Executivo às Ciências Sociais Aplicadas, como Grande Área; à Administração, Ciências Contábeis e Turismo, como Área de avaliação; e à Administração como possíveis Subárea. Conclui-se que a produção do conhecimento atual da área é reflexo de uma identidade pautada em sua práxis. Considera-se discutir tais resultados como um ponto de partida para tratar da institucionalização da área sob um ponto de vista conceitual/cognitivo e levantar questões sobre os aspectos paradigmáticos da área.


Palavras-chave: Secretariado Executivo. Produção científica. Reconhecimento Científico. Identidade.


Link: https://seer.ufrgs.br/EmQuestao/article/view/92169

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2020-12-21

Edição

Seção

Resumos de artigos científicos