CONDIÇÃO PERIODONTAL EM GESTANTES: ANÁLISE DO SERVIÇO PÚBLICO, SERVIÇO PRIVADO E TRIMESTRE GESTACIONAL

  • Idylla Silva RARES FACIMP
  • Diego da Silva PEREIRA FACIMP
  • Aline Sampiere Tonello BENAZZI FACIMP
  • Rossana Vanessa Dantas de ALMEIDA-MARQUES FACIMP
  • Yuri Wanderley CAVALCANTI Universidade Estadual da Paraíba (UEPB)

Resumo

Objetivo: Comparar a condição periodontal em gestantes e os fatores relacionados aos serviços de saúde prestados a estas, bem como relacionar a condição periodontal e de higiene bucal aos trimestres gestacionais. Material e Métodos: Selecionou-se aleatoriamente 150 gestantes, distribuídas entre um hospital público (SPU) e um privado (SPI), localizados no município de Imperatriz – Maranhão, Brasil. As gestantes foram informadas a respeito dos objetivos do trabalho, autorizando a participação mediante a assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido. As pacientes foram submetidas a exame clínico para aferição da condição de higiene bucal (IHOS) e doença periodontal (CPI). Os resultados foram analisados pelos testes Mann-Whitney e Correlação de Spearman (α<0,05). Resultados: Entre as gestantes avaliadas, a gengivite foi diagnosticada para 21,3% do SPU e 25,3% do SPI, enquanto a presença de cálculo foi observada para 10,7% e 5,3% do SPU e SPI, respectivamente. A condição satisfatória de higiene oral foi observada em 26,7% no SPU e 42,7% para SPI. Os valores médios de IHOS observados para SPU e SPI foram, respectivamente, 1,33 ± 0,10 e 0,68 ± 0,08 com diferença estatisticamente significante entre as médias (p<0,01). Não se observou diferença estatisticamente significante (p>0,05) entre a condição periodontal de gestantes assistidas no serviço público (SPU) e privado (SPI). O trimestre gestacional não apresentou correlação estatisticamente significante com a higiene oral e condição periodontal das gestantes (p>0,05). Conclusão: Embora a condição de higiene oral das gestantes assistidas por SPU e SPI tenha diferido entre si, a doença periodontal é um fator prevalente e comum aos dois grupos, independentemente do trimestre gestacional. DESCRITORES Gestantes. Higiene Bucal. Gengivite.

Biografia do Autor

Yuri Wanderley CAVALCANTI, Universidade Estadual da Paraíba (UEPB)
DDS, PhD, Post-Docstoral Fellow
Publicado
2016-04-07
Como Citar
RARES, I. S., PEREIRA, D. da S., BENAZZI, A. S. T., ALMEIDA-MARQUES, R. V. D. de, & CAVALCANTI, Y. W. (2016). CONDIÇÃO PERIODONTAL EM GESTANTES: ANÁLISE DO SERVIÇO PÚBLICO, SERVIÇO PRIVADO E TRIMESTRE GESTACIONAL. Revista Brasileira De Ciências Da Saúde, 20(1), 29-36. Recuperado de https://periodicos.ufpb.br/ojs/index.php/rbcs/article/view/27481
Seção
Pesquisa