[ID 41292] ANÁLISE COMPARATIVA DO SISTEMA DE INFORMAÇÃO DE MORTALIDADE ENTRE MUNICÍPIOS DE UMA REGIONAL DE SAÚDE DO ESTADO DE PERNAMBUCO

  • Jonnathan Anderson da Silva Santos UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO
  • Daniele Ferreira Rodrigues UNIVERSIDADE DE PERNAMBUCO

Resumo

Objetivo: Comparar a qualidade da informação do Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM) nos municípios que compõe a VI Região de Saúde de Pernambuco no ano 2013. Métodos: Estudo comparativo com dados secundários do SIM avaliou a completitude das variáveis: raça/cor, estado civil, escolaridade e ocupação e o preenchimento da causa básica de óbito. Foram calculados os coeficientes de mortalidade por causas mal definidas por município e os percentuais de não preenchimento das variáveis, aplicou-se um escore de classificação entre muito ruim e excelente. Resultados: Foi identificada uma mortalidade de 4 óbitos por 1000 habitantes na VI Região de Saúde, sendo a maior em Arcoverde (9,1/1000 hab). Em relação à completitude observaram-se diferenças entre os municípios, tendo Inajá, Pedra, Sertânia e Venturosa apresentado índices mais elevados de completitude dos dados. Para a Região de Saúde as variáveis foram classificadas como padrão de qualidade bom (raça-cor), regular (estado civil e regularidade) e ruim (ocupação). O percentual de óbitos por causas mal definidas variou de 3,66% em Venturosa a 52,08% em Buíque. Conclusão: Observou-se grande variabilidade nas informações sobre mortalidade entre os municípios avaliados. A incompletude e o elevado índice de mortes por causas mal definidas refletem a qualidade do preenchimento e processamento das declarações de óbito e, consequentemente, a qualidade do SIM. Descritores: Sistemas de Informação em Saúde. Atestado de Óbito. Mortalidade. Causa de óbito. Epidemiologia Descritiva. Classificação Internacional de Doenças.
Publicado
2019-10-01
Como Citar
Santos, J. A. da S., & Rodrigues, D. F. (2019). [ID 41292] ANÁLISE COMPARATIVA DO SISTEMA DE INFORMAÇÃO DE MORTALIDADE ENTRE MUNICÍPIOS DE UMA REGIONAL DE SAÚDE DO ESTADO DE PERNAMBUCO. Revista Brasileira De Ciências Da Saúde, 23(3). https://doi.org/10.22478/ufpb.2317-6032.2019v23n3.41292
Seção
Pesquisa