O DESENHO DO ROSTO

o caso Nézinho numa prática de pedagogias cênicas

  • Jorge das Graças Veloso Universidade de Brasília

Resumo

Esta é uma reflexão memorial sobre práticas de pedagogias cênicas, realizadas com menores em restrição de liberdade, por conflitos com a Lei. É o revisitar de um caso individual, o “desenho do rosto” de Nézinho, registrado numa oficina de teatro promovida pelo extinto projeto Nimuendaju/MEC (1987) em parceria com o Governo do DF. É um artigo inédito sobre duas encenações que tiveram importantes reverberações na vida de alguns dos internos.

Publicado
2020-06-21
Como Citar
VELOSO, J. DAS G. O DESENHO DO ROSTO. MORINGA - Artes do Espetáculo, v. 11, n. 1, 21 jun. 2020.
Seção
Diálogos e fronteiras