DESVIOS DE RACIONALIDADE E O PAPEL DO ADMINISTRADOR EM PROCESSOS DE NEGOCIAÇÃO: uma revisão sistemática da literatura

Autores

Resumo

O conhecimento a respeito de vieses cognitivos proporciona ao negociador o potencial de prever o comportamento de seus oponentes, como também o torna ciente de situações em que suas próprias decisões podem estar irracionalmente enviesadas. Este é o primeiro estudo que se dedica à atualização e aprofundamento da discussão sobre o tema no contexto específico da Administração e o faz ao investigar o estado da arte da literatura sobre vieses cognitivos nessa área e ao discutir como o conhecimento sobre esses vieses pode auxiliar o administrador/negociador em sua atuação profissional. Para tanto, a base de dados Web of Science Core Collection foi consultada em busca de artigos e resenhas com as palavras-chave negotiation* AND bias*, considerando-se todos os idiomas disponíveis, desde 1945 até janeiro de 2019, na categoria “management”. Dos 22 estudos considerados pertinentes, identificaram-se 20 vieses cognitivos na amostra. Destes, os cinco vieses mais frequentes foram discutidos, apresentando-se as principais estratégias de mitigação encontradas na literatura, que consistem em técnicas de autocorreção ou práticas a serem realizadas por um mediador. O presente estudo oferece contribuições teóricas e acadêmicas ao consolidar de maneira compreensiva os achados da literatura sobre vieses cognitivos em negociações e traz contribuições práticas ao fornecer soluções engenhosas a problemas frequentes no ambiente organizacional, ou mesmo pessoal, dos indivíduos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Raphael Patrício de Andrade Falcão, UFPB

Bacharel em Administração pela Universidade Federal da Paraíba. Pós-graduando em Psicologia e Saúde Mental pela Faculdade Metropolitana, nível especialização.

Pedro Jácome de Moura Júnior, UFPB

Professor na área de Sistemas de Informação na Universidade Federal da Paraíba e membro do corpo docente do Programa de Pós-Graduação em Administração (PPGA) da UFPB. Mestre e doutor em Administração com ênfase em Tecnologias da Informação pela UFPB. Atua como Procurador/Pesquisador Institucional junto ao Ministério da Educação e Cultura.

Downloads

Publicado

2019-12-31

Edição

Seção

Artigos de Revisão