ESTIMATIVA DA PRODUÇÃO DE SEDIMENTOS NA BACIA DO RESERVATÓRIO EPITÁCIO PESSOA – PB

  • Alexandro Medeiros Silva
  • Jorge Flávio Cazé Braga Costa Silva
  • Irla Gabriele Nunes Henriques
  • Richarde Marques Silva

Resumo

Entender e representar o comportamento do ciclo hidrológico de uma bacia hidrográfica é de grande importância para uma gestão eficiente dos seus recursos e a utilização de modelos hidrológicos vem para contribuir nesse sentido. Diante disso, esse trabalho tem por objetivo realizar a estimativa da produção de sedimentos na bacia hidrográfica do Reservatório Epitácio Pessoa na Paraíba, uma bacia que vem sofrendo com longos períodos de escassez hídrica e a produção de sedimentos. O estudo foi realizado para o período de 2001 a 2014, utilizando o modelo SWAT. A vazão média simulada para o período foi de 12,87 m³/s e a produção média estimada de sedimentos para a bacia foi de 0,03 (ton.ha-1.ano-1) durante os 14 anos analisados. Com base nas estimativas, o total de sedimentos que foram depositados no reservatório foi de aproximadamente 434 mil toneladas em 14 anos. Com isso, faz-se necessária a utilização de políticas para diminuir a produção de sedimentos da bacia e consequentemente minimizar o processo de assoreamento do reservatório Epitácio Pessoa, que ao longo dos anos vem causando a diminuição da sua capacidade total de armazenamento, que originalmente era de 535.680.000 m³ (DNOCS, 1963), e hoje segundo a AESA é de 411.686.287 m³.
Publicado
2017-12-27
Seção
Artigos