CONDOMÍNIOS INDUSTRIAIS NA REGIÃO METROPOLITANA DA GRANDE VITÓRIA, ES: O CASO DO CONDOMÍNIO VIANA LOG.

  • Izabela Dolores Cebin Bassani Universidade Federal do Espírito Santo-Ufes
  • Rafael Santos da Luz Monteiro Universidade Federal do Espírito Santo-Ufes
  • Rose Mary Nunes Leão Universidade Federal do Espírito Santo-Ufes
  • Carlos Teixeira de Campos Júnior Universidade Federal do Espírito Santo-Ufes
  • Leandro Camatta Assis Universidade Federal do Espírito Santo-Ufes

Resumo

Os condomínios industriais são produtos imobiliários contemporâneos que abrigam em seu arranjo interno a indústria e outras formas de reprodução do capital. São produtos de uma nova fase da produção da cidade que nega a forma antiga – centro-periferia, e ressalta a produção de novas centralidades, contribuindo para o espraiamento do tecido urbano. A reestruturação imobiliária apresenta-se como conceito-chave para a análise da produção do espaço urbano atual, uma vez que permite uma abrangente visão sobre as questões socioespaciais. O conceito de reestruturação imobiliária foi escolhido por duas razões: a primeira delas é o destaque para a produção de novas formas urbanas e sua relação com a reestruturação produtiva da indústria da construção, e a segunda é o reconhecimento de mudanças significativas no processo de urbanização desencadeada por essa relação. O objetivo deste trabalho é entender o processo interno de reestruturação do capital na construção a partir da produção de condomínios industriais, apresentando as características do condomínio industrial Viana Log. A revisão de literatura e a análise empírica dos empreendimentos nos possibilitaram perceber que a RMGV se tornou o principal lócus de produção dos CI’s, que se tornaram um produto imobiliário capaz de gerar renda, lucro e ativo.

Biografia do Autor

Izabela Dolores Cebin Bassani, Universidade Federal do Espírito Santo-Ufes
Graduada em Geografia- Ufes; Mestra em Geografia- Ufes; Doutoranda em Geografia;
Rafael Santos da Luz Monteiro, Universidade Federal do Espírito Santo-Ufes
Graduado em Geografia- Ufes; Mestre em Geografia- Ufes; Doutorando em Geografia;
Rose Mary Nunes Leão, Universidade Federal do Espírito Santo-Ufes
Graduada em Geografia- Ufes; Mestra em Geografia- Ufes;
Carlos Teixeira de Campos Júnior, Universidade Federal do Espírito Santo-Ufes
Professor Titular do Departamento de Geografia da Universidade Federal do Espírito Santo, doutor (1993) e mestre (1985) pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP. Graduado em Engenharia Civil pela UFES. Professor do Programa de Pós-Graduação em Geografia da UFES desde 2008, Professor do Programa de Pós-Graduação em Economia da UFES (1995-2009). Pesquisa as relações entre formas sociais de produção da construção e as mudanças socioespaciais da cidade, tendo como foco a Região Metropolitana da Grande Vitória e o Espírito Santo. Possui experiência nos seguintes temas: urbanização, história da cidade, produção imobiliária, construção civil, política habitacional e política urbana.
Leandro Camatta Assis, Universidade Federal do Espírito Santo-Ufes
Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal do Espírito Santo (2007). Mestre em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal do Espírito Santo. Atualmente é professor do ensino básico, técnico e tecnológico do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo. Tem experiência na área de Planejamento Urbano e Regional, com ênfase em Fundamentos do Planejamento Urbano e Regional, atuando principalmente nos seguintes temas: planejamento urbano e mobilidade urbana.
Publicado
2020-05-07
Seção
Artigos