[ID 43622] ESTADO NUTRICIONAL PRÉ-GESTACIONAL E GANHO DE PESO GESTACIONAL NA INFLUÊNCIA DO PESO DE RECÉM-NASCIDOS EM UMA CLÍNICA DE JOINVILLE – SC

  • Danielle Soares Associação Educacional Luterana Bom Jesus Ielusc Faculdade IELUSC
  • Camila Cristina Debortoli
  • Juliano Turmina

Resumo

Objetivo: Avaliar o estado nutricional materno (pré-gestacional) e o ganho de peso na gestação e sua influência no peso do recém-nascido em gestantes de uma clínica particular de ginecologia e obstetrícia de Joinville-SC. Metodologia: Trata-se de um estudo observacional, descritivo, e retrospectivo por meio da análise de dados secundários de registros da Clínica de Ginecologia e Obstetrícia. Foram incluídas gestantes acima de 18 anos, que tiveram gestação de baixo risco, com parto em 2017. As informações foram coletadas no programa Helis®. Os dados foram tabulados e analisados conforme estatística descritiva no programa Microsoft Office Excel® 2010 e software R com a interface RStudio, por meio dos testes qui-Quadrado e de Fischer. Resultados: Referente ao estado nutricional materno e peso do recém-nascido pode-se ver que a maioria das mulheres que estavam eutróficas antes da gestação, os neonatos nasceram com o peso adequado (50%), seguida das que estavam com sobrepeso, onde o total de neonatos que nasceram com o peso adequado foram de 20,8%. Outro parâmetro importante foi que o ganho de peso na gestação influenciou o peso ao nascer dos neonatos. Conclusão: Com este estudo pode-se observar que em gestantes de baixo risco, tanto o IMC pré-gestacional como o ganho de peso gestacional pode ser um influenciador no peso do recém-nascido. Por isso é importante que por meio de um adequado acompanhamento no pré-natal, seja sempre observado o estado nutricional pré-gestacional para que objetivos sejam estabelecidos e, principalmente, uma educação nutricional congruente. DESCRITORES: Estado Nutricional. Gestação. Feto.
Publicado
2020-03-25
Como Citar
Soares, D., Debortoli, C. C., & Turmina, J. (2020). [ID 43622] ESTADO NUTRICIONAL PRÉ-GESTACIONAL E GANHO DE PESO GESTACIONAL NA INFLUÊNCIA DO PESO DE RECÉM-NASCIDOS EM UMA CLÍNICA DE JOINVILLE – SC. Revista Brasileira De Ciências Da Saúde, 24(1). https://doi.org/10.22478/ufpb.2317-6032.2020v24n1.43622
Seção
Pesquisa