“JÁ VEIO TUDO DOS ANTEPASSADOS”: festas, tradições e identidades de Caiana de Crioulos

Resumo

O presente artigo tem como objetivo analisar algumas das principais práticas
culturais presentes na comunidade remanescente de quilombos de Caiana dos
Crioulos. Elegemos para este estudo as festas e tradições que dizem respeito
ao cachimbo, batismo, casamentos, velórios, bandas de pífano e o que ficou
denominado de “som de caiana”. Como metodologia utilizamos a História Oral,
a partir de entrevistas como os moradores mais antigos da comunidade, assim
como pessoas que possuem uma vivência na comunidade. A partir das análises
percebemos que as festas e tradições existentes em Caiana, herdadas pelos
antepassados, contribuem para a constituição da identidade étnica dos
moradores e da existência de uma “memória coletiva”.

Biografia do Autor

Hezrom Vieira Costa Lima, Universidade Federal da Paraíba/UNIP.

É Mestre em História (2015) pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB), com a dissertação "Já veio tudo dos antepassados": História, memória e identidade étnica em Caiana dos Crioulos. Onde pesquisou as mudanças e permanências na identidade de quilombola dos moradores na longa duração, bem como analisou a relação simbiótica entre memória e tradição presentes nessa Comunidade Remanescente de Quilombos (CRQs) paraibana. Especialista em História e Cultura Afro-brasileira (2014) pelo Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indígena (Neab-Í) da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) e graduado em História (2010) pela mesma IES.

Desenvolve pesquisas relacionadas ao universo das CRQs, traçando um elo entre Memória da Escravidão, Identidade Étnica e Pós-Abolição. Também se dedica, atualmente, a pesquisar a relação entre a Cultura Histórica dos Jogos Digitais (PC) e a sua relação com o Ensino de História.

Professor da Universidade Paulista - UNIP (campus de Campina Grande - PB), e da rede particular de ensino (educação básica) da mesma cidade.

Publicado
2016-08-16
Seção
Artigos