A PRESENÇA (EN)CANTADORA DOS “QUARENTA” EM TRIUNFO – PB: FITAS, NUANCES E DANÇAS DE UMA BANDA CABAÇAL

  • José Olivandro Duarte de Oliveira UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE
  • Anderson Angel Vieira Pinheiro UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE

Resumo

O saber popular engendra que, a Banda Cabaçal atravessa os tempos, com seus ritmos tradicionais que remontam à época da colonização, aprendidos de ouvido e tocados em bailes, praças públicas e, sobretudo, em eventos religiosos como novenas e trezenas. As Bandas Cabaçais são comumente classificadas como folguedos e/ou brincadeiras por possuírem encenações com certa estruturação que envolve música, dança, performance e dramatização. O objetivo ora investido nesse trabalho é expor a presença do negro, que, traz ao município de Triunfo – PB a prática cultural da Banda Cabaçal, enquanto possibilidade de manifestação de um povo. Para tanto, o caminho traçado possui uma trilha eminentemente qualitativa de caráter descritivo, pois partimos da concepção que tal pesquisa necessita ser ancorada numa compreensão da realidade sócio-cultural, a qual almeja o entendimento das relações e aspectos que caracterizam, diferenciam, aproximam, qualificam, (re)cobrem, circunscrevem o fenômeno a ser investigado. Nas tendências culturais e religiosas da cidade de Triunfo – PB é fácil apontar onde se apresenta fortemente a influência da cultura dos “Quarenta”, alcunha de um grupo de negros imigrantes que na festa do Senhor Menino Deus (Padroeiro da cidade), faz perceber que a mesma não teria tal brilho e originalidade sem a folclórica Banda Cabaçal. Tradição da comunidade negra, essa banda foi criada em Pombal – PB quando ainda nem se pensava em imigração. Sua formação é composta por instrumentos de percussão, sanfona, pífano e lanças, o traje típico e o estilo musical folclórico, completa toda a graciosidade do grupo. O patrimônio cultural imaterial desta porção territorial é uma referência identitária que tem como arrimo nessa bagagem mestiça comum, a tarefa de inventar sua história, ampliando a diversidade cultural, do legado e nuances de todo povo brasileiro.

Biografia do Autor

José Olivandro Duarte de Oliveira, UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE
CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE - UNIDADE ACADÊMICA DE CIÊNCIAS DA SAÚDE - CURSO DE PSICOLOGIA
Anderson Angel Vieira Pinheiro, UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE
CENTRO DE EDUCAÇÃO E SAÚDE - UNIDADE ACADÊMICA DE SAÚDE - BACHARELADO EM FARMÁCIA
Publicado
2013-03-01
Seção
Iniciação Científica