Quão Estratégica Pode Ser a Gestão Arquivística de Documentos? Aportes da Arquitetura Corporativa

  • Fernando Hadad Zaidan UFMG
  • Marco Aurélio S. Mendes UFMG
  • Marcello Peixoto Bax

Resumo

Este trabalho procura mostrar razões que justifiquem o pensamento estratégico no âmbito de projetos de Gestão Arquivística de Documentos (GAD). Para tal ele descreve um instrumento de alinhamento usado para elicitar os objetivos estratégicos de projetos de GAD. A base empírica que originou as considerações teóricas se deu no contexto de realização de um projeto de P&D[1]. À luz do método preconizado pela Ciência de Projetos realizou-se a análise dos insumos da estratégia, entrevistas com gestores e a validação dos modelos. Além de descrever e discutir os resultados da modelagem da estratégia, a principal conclusão deste trabalho é que o redesenho do cenário vigente na organização permitiu maior alinhamento entre a GAD planejada pelo projeto e a estratégia de negócios da organização.

[1]O P&D GT507 intitulado: "Gestão de Recursos Informacionais para Eficiência de Processos" é um projeto de pesquisa e desenvolvimento no campo da Gestão de Conteúdo Corporativo (ECM), realizado em parceira CEMIG/UFMG (cemig.eci.ufmg.br).

Referências

ARCHIMATE. What is Archimate? 2014. Disponível em: <http://www.archimate.nl/en>. Acesso em: 15 ago. 2014.

CEMIG GT GERAÇÃO E TRANSMISSÃO S.A. Relatório da Gestão 2011. Belo Horizonte: CEMIG, 2011.

CONSELHO NACIONAL DE ARQUIVOS (Brasil) – CONARQ. Modelo de requisitos para sistemas informatizados de gestão arquivística: e-ARQ Brasil. Rio de Janeiro, 2011.

FORMULÁRIO DE PROJETO - ANEEL. Projeto P&D CEMIG-GT 507. CEMIG - Companhia Energética de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2013.

HENDERSON, J. C.; VENKATRAMAN, N. Strategic alignment: leveraging information technology for transforming organizations. IBM Systems Journal, New York, v. 32, n. 1, 1993.

IEEE. IEEE Recommended Practice for Architecture Description of Software-

Intensive Systems, ANSI/IEEE Std 1471, ISO/IEC 42010. 2000. Disponível em:

<http://www.iso-architecture.org/ieee-1471/>. Acesso em: 14 ago. 2014.

ISO. INTERNATIONAL STANDARDS ORGANIZATION. ISO 15489: information and documentation, records management, parts 1 and 2. Geneva, ISO, 2001.

KAPLAN, R.; NORTON, D. A estratégia em ação. 22 ed. São Paulo: Elsevier, 1997.

LANKHORST, M. Enterprise architecture at work: modelling, communication, and analysis. Berlin: Springer-Verlag, 2012.

P&D CEMIG-GT 507. Apresentação do P&D pela Diretoria de Gestão Empresarial (DGE). Belo Horizonte: CEMIG GT - Companhia Energética de Minas Gerais – Geração e Transmissão, 2013.

P&D CEMIG-GT 507. Formulário de projeto – ANEEL. Belo Horizonte: Documentos do P&D GT507, 2013.

P&D CEMIG-GT 507. Modelagem dos processos de negócios do P&D GT507. Belo Horizonte: Belo Horizonte: Documentos do P&D GT 507, 2014.

THE OPEN GROUP. Archimate 2.1 Specification. 2013. Disponível em: <http://www.opengroup.org/archimate/.htm>. Acesso em: 15 ago. 2014.

WIERINGA, R. Design science as nested problem solving. Proceedings of the 4th international conference on design science research in information systems and technology, ACM, p.8, 2009.

ZACHMAN, J. A. A framework for information systems architecture. IBM Systems Journal, v. 26, n. 3, p. 276–292, 1987.

Publicado
2015-12-31
Seção
ARTIGOS DE PESQUISA