Metadados editoriais e livreiros: algumas considerações e relações com os padrões de metadados do domínio bibliográfico

  • Rachel Cristina Vesu Alves Unesp - Universidade Estadual Paulista - "Júlio de Mequita Filho" Faculdade de Filosofia e Ciências - Câmpus Marília Departamento de Ciência da Informação

Resumo

As expansões do Universo dos Metadados e seus padrões ocorreram devido a sua grande importância para a representação e a troca de informações. Os metadados são desenvolvidos e utilizados em domínios como o bibliográfico e o do mercado editorial e livreiro. O problema encontrado é devido a necessidade de interoperabilidade, uso e reuso dos dados na Web, que demandou o estudo da relação entre os padrões de metadados da indústria editorial e livreira e os padrões de metadados do domínio bibliográfico. O objetivo deste estudo consistiu em abordar algumas considerações das relações entre os padrões de metadados da indústria editorial e livreira e dos padrões de metadados do domínio bibliográfico. A metodologia da pesquisa consistiu em pesquisa exploratória. Os resultados apontam as principais características e relações entre os padrões de metadados ONIX for Books da indústria editorial e livreira e MARC 21 do domínio bibliográfico. Concluiu-se que esses padrões de metadados são importantes para contribuir com a representação de informações para a indústria editorial e livreira, também para o setor de bibliotecas.

Referências

REFERÊNCIAS

ALVES, Rachel Cristina Vesu; SANTOS, Plácida Leopoldina Ventura Amorim da Costa. Metadados no domínio bibliográfico. Rio de Janeiro: Intertexto, 2013.

ALVES, Rachel Cristina Vesu; SIMIONATO, Ana Carolina; SANTOS, Plácida Leopoldina Ventura Amorim da Costa. Aspectos de granularidade na representação da informação no universo bibliográfico. IN: ENCONTRO NACIONAL DE CATALOGADORES, 1., 2012, Rio de Janeiro. Anais... Rio de Janeiro: [S.n.], 2012. Disponível em: <http://gepcat.blogspot.com.br/2012/10/i-enacat-e-iii-eepc-trabalhos.html>. Acesso em: 21 dez. 2014.

ARAKAKI, F. A. et al. BIBFRAME: tendência para a representação bibliográfica na web. Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação, v. 13, p. 2231-2249, 2017. Disponível em: <https://rbbd.febab.org.br/rbbd/article/view/995/1030>. Acesso em: 07 ago. 2018.

BACA, M. Introduction to metadata. Los Angeles: Getty Research Institute, 2016.

CONEGLIAN, C. S. et al. MODS RDF para conversão de registros bibliográficos para o Linked Data. In: ENCONTRO INTERNACIONAL DE DADOS, TECNOLOGIA E INFORMAÇÃO, 3., 2016, Marília. Anais... Marília: UNESP, 2016. v. 2. p. 713-732.

EDITEUR. 2009. Disponível em: <https://www.editeur.org/>. Acesso em: 07 ago. 2018.

KÖCHE, J. C. Fundamentos da metodologia científica: teoria da ciência e iniciação à pesquisa. 20. ed. Petrópolis: Vozes, 2002.

LIBRARY OF CONGRESS. ONIX to MARC 21 Mapping: Network Development and MARC Standards Office. 2005. Disponível em: <https://www.loc.gov/marc/onix2marc.html>. Acesso em: 07 ago. 2018.

LIBRARY OF CONGRESS. Overview of the BIBFRAME 2.0 Model. Washington, DC, 2016. Disponível em: <http://www.loc.gov/bibframe/docs/bibframe2-model.html>. Acesso em: 15 fev. 2017.

MERCADOEDITORIAL.ORG. Disponível em: <https://www.mercadoeditorial.org/>. Acesso em: 07 ago. 2018.

METABOOKS. Disponível em: <http://metabooks.com/>. Acesso em: 07 ago. 2018.

ONIX. 2009. Disponível em: <https://www.editeur.org/83/Overview/>. Acesso em: 07 ago. 2018.

PUBLISHNEWS. Metadados, o ovo e a galinha. 2016. Disponível em: <http://www.publishnews.com.br/materias/2016/08/26/metadados-o-ovo-e-a-galinha>. Acesso em: 07 ago. 2018.

REGISTER, R.; MCILROY, T. The metadata handbook. 2. ed. Columbus: Datacurate, 2015. E-book in e-reader.

RILEY, J. Seeing Standards: a visualization of the metadata universe. USA: Indiana University Libraries, 2009-2010.

SILVA, Renata Eleutério da. As tecnologias da Web Semântica no domínio bibliográfico. 2013. 134 f. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) - Faculdade de Filosofia e Ciências, Universidade Estadual Paulista, Marília, 2013.

ZENG, M. L.; QIN, J. Metadata. 2. ed. Chicago: Neal-Schuman; American Library Association, 2016.

Publicado
2019-08-16