MUDANÇAS ESPAÇO-TEMPORAIS DA VARIABILIDADE DA PRECIPITAÇÃO E PERDAS DE SOLO NA BACIA DO RIO MAMUABA, BRASIL (Spatiotemporal changes of rainfall variability and soil loss in Mamuaba river basin, Brazil)

  • Ana Paula Campos Xavier
  • Alexandro Medeiros Silva
  • Richarde Marques da Silva

Resumo

Os fatores do meio natural aliado, sobretudo as mudanças nos usos do solo devido ao avanço da agricultura nos últimos anos têm provocado grande influência nas perdas de solo. Este trabalho tem por objetivo analisar a variabilidade espaço-temporal da precipitação para um período de 20 anos e estimar as perdas de solo para a Bacia do Rio Mamuaba, utilizando a Equação Universal de Perda de Solo (USLE), além de identificar o risco de erosão existente na bacia em função das características do meio físico através do Potencial Natural de Erosão (PNE). Com relação à variabilidade espaço temporal, verificou-se que a média da precipitação total anual na bacia aumenta na direção de oeste para leste com amplitudes de 1410 mm (a oeste) e 1560 mm (a leste) com diferença de 150 mm, esta distribuição espacial da chuva pode ser atribuída a maior proximidade da porção leste da bacia com o oceano. Os Fatores R, K, LS e CP da USLE foram obtidos em ambiente SIG. Os resultados obtidos mostraram que as perdas de solo variaram de 0 a 84 t/ha/ano. As maiores perdas de solo foram localizadas na porção sudeste. Quanto ao PNE a bacia é caracterizada em sua maior parte, 56,96 % da área total, com potencial natural de erosão muito baixo. Assim, a utilização integrada entre a USLE e SIG mostrou-se ser uma técnica eficaz na representação espacial das perdas de solo na bacia Rio Mamuaba para a identificação das áreas mais vulneráveis ao processo de erosão dos solos e na variabilidade espaço-temporal da precipitação.