SEARCH ENGINE OPTIMIZATION E QUALIDADE DAS FONTES DE INFORMAÇÃO DIGITAL: ELEMENTOS CONSTRUTORES À BUSCA

  • Gustavo Lunardelli Trevisan UNESP Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Departamento de Ciência da Informação, Departamento de Ciência da Informação. http://orcid.org/0000-0002-4175-7910
  • Silvana Drumond Monteiro Universidade Estadual de Londrina, Centro de Educação Comunicação e Artes, Departamento de Ciência da Informação.
  • Silvana Aparecida Borsetti Gregorio Vidotti UNESP Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Departamento de Ciência da Informação, Departamento de Ciência da Informação.
Palavras-chave: SEO, Search Engine Optimization, Qualidade das Fontes de Informação Digital, Representação no ciberespaço, Busca

Resumo

No mundo virtual, o entendimento e uso dos Mecanismos de Busca (MB), ainda é obscuro àqueles que estudam a Organização e Recuperação da Informação sob o olhar da Ciência da Informação, uma vez que os critérios de indexação são restritos às empresas de busca. Mas qual a relação dos MB com o Search Engine Optimization (SEO) e a Qualidade das Fontes de Informação Digital (QFID)? Embora o uso do SEO venha a ser considerado uma técnica para uso de alavancagem comercial, considera-se que ele pode também contribuir para a melhoria dos conteúdos informacionais. Nesse sentido, questiona-se: quais seriam os conceitos e técnicas de otimização - SEO – que correspondem aos indicadores de QFID? A partir dessa investigação, o artigo propôs como seu objetivo apresentar tal correlação existente entre campos distintos da Ciência. Os procedimentos metodológicos foram por meio de Pesquisa teórico-informal, pesquisa documental, com abordagem qualitativa. Apresenta como resultados a ordenação e categorização dos elementos SEO/QFID e suas correlações por meio das representações sígnicas demonstrando os aspectos em comum às partes. Fez-se a representação gráfica, onde engendra a confluência dos conceitos SEO e QFID. Apresenta-se uma nova categorização, de forma a convergir os olhares, concatenando e decodificando os conceitos SEO/QFID para um entendimento comum a quaisquer dos campos da Ciência. Comprova-se que campos da Ciência, embora utilizando-se de termos e categorizações distintos à construção de conteúdos informacionais de qualidade, apresentam a preocupação com a forma de organizá-los e qualificá-los, trazendo desta forma, um entendimento único à perspectiva da Ciência da Informação.

Biografia do Autor

Gustavo Lunardelli Trevisan, UNESP Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Departamento de Ciência da Informação, Departamento de Ciência da Informação.
Doutorando em Ciência da Informação - Unesp Marília. Mestrado em Ciência da Informação - Universidade Estadual de Londrina (PPGCI-UEL), Paraná, Brasil.
Silvana Drumond Monteiro, Universidade Estadual de Londrina, Centro de Educação Comunicação e Artes, Departamento de Ciência da Informação.
Doutora em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Brasil. Professora da Universidade Estadual de Londrina, Brasil.
Silvana Aparecida Borsetti Gregorio Vidotti, UNESP Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Departamento de Ciência da Informação, Departamento de Ciência da Informação.
Doutora em Educação pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Brasil. Professora da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Brasil.
Publicado
2019-08-30
Seção
Artigos de Revisão | Review Articles