GESTÃO DO CONHECIMENTO EM BIBLIOTECAS SOB A PERSPECTIVA DA ABORDAGEM QUALITATIVA: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA

  • Quêti Di Domenico Mestranda em Administração pela Universidade do Oeste de Santa Catarina (UNOESC). Servidora pública, no cargo de Auxiliar de Biblioteca no Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), Brasil
  • Jacir Favretto Universidade do Oeste de Santa Catarina - UNOESCUniversidade do Contestado - UnC
  • Darlan José Roman Doutor em Administração pela Universidade Federal de Santa Catarina, Brasil
  • Fernando Fantoni Bencke Universidade de Caxias do Sul

Resumo

O presente artigo tem como objetivo identificar estudos de natureza qualitativa e que apontem como a Gestão do Conhecimento pode ser incorporada de forma eficiente nas rotinas de bibliotecas. A evolução tecnológica e as mudanças nas necessidades dos usuários exigem que as equipes de bibliotecas estejam preparadas e motivadas para reinventar sua atividade. Isso faz com que a Gestão do Conhecimento se torne essencial para que as bibliotecas continuem relevantes nas sociedades onde estão inseridas. Neste sentido, este estudo trata de uma revisão sistemática da literatura e apresenta uma abordagem qualitativa, de caráter exploratório, desenvolvido por meio de análise do conteúdo. Foram selecionados 98 trabalhos nas bases de dados Capes e Ebsco e após a aplicação de critérios de inclusão e exclusão restaram 23 artigos para análise. Dentre os trabalhos pesquisados, verificou-se a necessidade que se formalize uma política ou metodologia de Gestão do Conhecimento nas bibliotecas. Os modelos de Gestão do Conhecimento, ancorados por ferramentas, técnicas e ações, são uma excelente alternativa de trabalhar a Gestão do Conhecimento de forma eficiente nas bibliotecas, a fim de acompanhar e atender às necessidades dos usuários e as suas próprias.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Quêti Di Domenico, Mestranda em Administração pela Universidade do Oeste de Santa Catarina (UNOESC). Servidora pública, no cargo de Auxiliar de Biblioteca no Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), Brasil

Mestranda em Administração pela Universidade do Oeste de Santa Catarina, Brasil. Auxiliar de Biblioteca do Instituto Federal de Santa Catarina, Brasil

Jacir Favretto, Universidade do Oeste de Santa Catarina - UNOESCUniversidade do Contestado - UnC

Doutor em Engenharia de produção pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Brasil. Professor da Universidade do Oeste de Santa Catarina, Brasil.

Darlan José Roman, Doutor em Administração pela Universidade Federal de Santa Catarina, Brasil

Doutor em Administração pela Universidade Federal de Santa Catarina, Brasil. Professor da Universidade do Oeste de Santa Catarina, Brasil.

Fernando Fantoni Bencke, Universidade de Caxias do Sul

Doutor em Administração pela Universidade de Caxias do Sul, Brasil. Professor da Universidade do Oeste de Santa Catarina, Brasil.

Publicado
2020-08-25
Como Citar
Di Domenico, Q., Favretto, J., Roman, D. J., & Bencke, F. F. (2020). GESTÃO DO CONHECIMENTO EM BIBLIOTECAS SOB A PERSPECTIVA DA ABORDAGEM QUALITATIVA: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA. Perspectivas Em Gestão & Conhecimento, 10(2), 203-222. Recuperado de https://periodicos.ufpb.br/index.php/pgc/article/view/47917
Seção
Relatos de Pesquisa | Research Articles