POLÍTICAS DE GESTÃO DO CONHECIMENTO: DA TEORIA À PRÁTICA

Autores

  • Fabio Corrêa Universidade FUMEC http://orcid.org/0000-0002-2346-0187
  • Cláudio Paixão Anastácio de Paula Universidade Federal de Minas Gerais
  • Jurema Suely de Araujo Nery Ribeiro Universidade FUMEC
  • Renata de Souza França Universidade do Estado de Minas Gerais
  • Eric de Paula Ferreira Universidade do Estado de Minas Gerais

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.2236-417X.2021v11nEspecial.57561

Resumo

As políticas de Gestão do Conhecimento são instrumentos que estabelecem norteamentos com impacto direto em múltiplos níveis e, nesse sentido, necessitam ser abordadas em uma perspectiva holística. Neste sentido, esta pesquisa objetiva analisar políticas de Gestão do Conhecimento para identificar os fatores que as fundamentam, visando elucidar se a visão holística teórica converge para a prática estabelecida por essas políticas. Por procedimentos metodológicos adotou-se as abordagens qualitativa e quantitativa, valendo-se da Análise de Conteúdo e método percentílico, respectivamente. Foram analisadas políticas de Gestão do Conhecimento atinentes ao intervalo temporal de 2001 a 2018 em organizações públicas, a saber: Serviço Federal de Processamento de Dados, Governo do Estado de São Paulo, Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão de Minas Gerais, Secretaria de Estado de Fazenda de Minas Gerais, Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos e Governo do Estado de Rondônia. Conclui-se que, dentre as políticas analisadas, nenhuma contempla todos os fatores indispensáveis para o sucesso da Gestão do Conhecimento, não atingindo os níveis necessários para o enquadramento na perspectiva holística. Contudo, a teoria converge com a prática, pois todos os fatores foram contemplados por pelo menos uma política de Gestão do Conhecimento e todas as políticas contemplam mais de um fator. Os resultados sugerem que as organizações tem capacidade para elaborar políticas que contemplem o gerenciamento do conhecimento de forma holística, porém, esses norteamentos devem ser operacionalizados na prática para que isso seja feito de modo exitoso.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fabio Corrêa, Universidade FUMEC

Doutor e Mestre em Sistemas de Informação e Gestão do Conhecimento. Possui MBA em Engenharia de Software e Governança de Tecnologia da Informação e Graduação em Sistemas de Informação. Tem experiência na área de Ciência da Computação, com ênfase em Sistemas de Informação, e Ciência da Informação, com ênfase em Gestão do Conhecimento.

Downloads

Publicado

2021-03-30

Como Citar

Corrêa, F., Paula, C. P. A. de ., Ribeiro, J. S. de A. N., França, R. de S., & Ferreira, E. de P. (2021). POLÍTICAS DE GESTÃO DO CONHECIMENTO: DA TEORIA À PRÁTICA. Perspectivas Em Gestão &Amp; Conhecimento, 11(Especial), 18–34. https://doi.org/10.22478/ufpb.2236-417X.2021v11nEspecial.57561

Edição

Seção

Número Especial: Transformação Digital e Gestão do Conhecimento