Comparação de Desempenhos de Carteiras Otimizadas pelo Modelo de Markowitz e a Carteira de Ações do Ibovespa

  • Sandro Marques PUCPR
  • Wesley Vieira da Silva PUCPR
  • Jansen Maia Del Corso PUCPR
  • Luciano Luiz Dalazen PUCPR
Palavras-chave: Markowitz, Otimização, Portfolio, Performance

Resumo

O objetivo dessa pesquisa é comparar o desempenho previsto de uma carteira ótima de ações, criada a partir de dados históricos com período compreendido entre janeiro de 2009 e dezembro de 2009, com o desempenho real obtido por essa carteira no ano de 2010, além de fazer uma análise comparativa do seu desempenho com o da carteira teórica ótima, valendo-se de dados dessas ações no ano de 2010 e do índice Ibovespa, por meio de técnicas de back testing. Essa técnica consiste no teste do modelo para verificar se os seus resultados estão de acordo com o que aconteceu na realidade, usando como base os dados históricos. Em termos metodológicos, trata-se de uma pesquisa aplicada e quantitativa de natureza descritiva, cujos procedimentos de execução utiliza-se da pesquisa operacional com delineamento ex-post-facto. Os resultados auferidos a partir da análise dos dados são de que não foi possível atestar a eficiência do modelo de Markowitz para a criação de carteiras eficientes somente com esse exemplo, mas é possível perceber que o comportamento nesse caso foi muito próximo ao previsto.

Biografia do Autor

Sandro Marques, PUCPR
Doutorando pelo Programa de Pós-Graduação em Administração da Pontífica Universidade Católica
Wesley Vieira da Silva, PUCPR
Professor do pelo Programa de Pós-Graduação em Administração da Pontífica Universidade Católica e Bolsista em Produtividade de Pesquisa do CNPq
Jansen Maia Del Corso, PUCPR
Professor do pelo Programa de Pós-Graduação em Administração da Pontífica Universidade Católica
Luciano Luiz Dalazen, PUCPR
Mestrando pelo Programa de Pós-Graduação em Administração da Pontífica Universidade Católica
Publicado
2013-07-23
Seção
Seção Nacional