Análise sobre a Relação do Mercado Acionário com as Variáveis Macroeconômicas no Período de 2004 a 2014

  • Luan Vinicius Bernardelli UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ.
  • Alessandro Garcia Bernardelli UNIVERSIDADE ESTADUAL DO NORTE DO PARANÁ
Palavras-chave: Mercado Acionário, Variáveis Macroeconômicas, Volatilidade, Regressão Linear Múltipla

Resumo

Este artigo possui como objetivo principal analisar a influência das variáveis macroeconômicas sobre o mercado acionário. A pesquisa forneceu inicialmente a discussão conceitual demonstrando reação teórica esperada no mercado acionário gerada por oscilações macroeconômicas. Em seguida, com os resultados colhidos de uma análise realizada por meio de um modelo de regressão linear pelos Métodos dos Mínimos Quadrados Ordinários (MQO), sobre uma base de dados mensal do período de 2004 a 2014, totalizando 132 amostras, tendo como variável dependente, para representar o mercado acionário, o índice Ibovespa. Para exprimir as oscilações macroeconômicas foram selecionadas como variáveis independentes a taxa de câmbio média, a taxa de juros SELICOVER, o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) e o Produto Interno Bruto nominal (PIB), todas extraídas do Banco Central do Brasil (BACEN) e do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA). Desta forma, constatou-se que foi significativa a participação do mercado acionário na economia, o qual possui grande relevância às empresas que necessitam de recursos para produzirem, assim como aos agentes superavitários que buscam remuneração pelo capital investido. Acrescenta-se, ainda, que os resultados obtidos foram profundamente expressivos, uma vez que não apenas confirmou o posicionamento teórico, como também demostrou que a influência é extremamente alta, pois o valor encontrado do R² induziu que as oscilações das variáveis macroeconômicas explicam 93,10% da oscilação da bolsa de valores. Com isso, não restam dúvidas que os resultados deste estudo são significativos e contribuem para fomentar as discussões sobre a volatilidade do mercado acionário em face da atual crise econômica.

Biografia do Autor

Luan Vinicius Bernardelli, UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MARINGÁ.
Graduado em Ciências Econômicas pela Universidade Estadual do Norte do Paraná. Mestrando em Teoria Econômica pela Universidade Estadual de Maringá. Experiência de mais de 6 anos no Mercado Financeiro. Possui diversas certificações profissionais bancárias, inclusive a de ESPECIALISTA EM INVESTIMENTO expedida pela Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais - ANBIMA. Corretor de seguros habilitado pela Superintendência de Seguros Privados (SUSEP).
Alessandro Garcia Bernardelli, UNIVERSIDADE ESTADUAL DO NORTE DO PARANÁ
Possui graduação em ECONOMIA pela Universidade Federal do Paraná(2001) e mestrado em Economia pela Universidade Estadual de Maringá(2012). Atualmente é Professor Titular da Faculdade do Norte Pioneiro e Professor Titular da Faculdade do Norte Pioneiro. Atuando principalmente nos seguintes temas:fluxo de capitais, efeito push-pull, VAR estrutural.
Publicado
2016-04-27
Como Citar
Bernardelli, L. V., & Bernardelli, A. G. (2016). Análise sobre a Relação do Mercado Acionário com as Variáveis Macroeconômicas no Período de 2004 a 2014. Revista Evidenciação Contábil & Finanças, 4(1), 4-17. Recuperado de https://periodicos.ufpb.br/index.php/recfin/article/view/27671
Seção
Seção Nacional