Gerenciamento de Resultados em Bancos: Indícios relacionados à aversão a divulgação de prejuízos

  • Lorena Oliveira de Sousa Universidade Federal de Minas Gerais
  • Valéria Gama Fully Bressan Universidade Federal de Minas Gerais
Palavras-chave: Gerenciamento de Resultados, Evitar divulgar prejuízos, Bancos, Instituições Financeiras

Resumo

Objetivo: Analisar se existem indícios de que os bancos brasileiros utilizaram técnicas de gerenciamento de resultado para evitar a divulgação de prejuízos no período de 2008 a 2015.Fundamento: A literatura base desta pesquisa versa sobre gerenciamento de resultados para evitar a divulgação de prejuízos e gerenciamento de resultados no setor bancário, tendo como base os estudos de Burgstahler and Dichev (1997), Shen and Chih (2005), Goulart (2007) e Bornemann et al. (2012).Método: As instituições pesquisadas foram os bancos comerciais, bancos múltiplos com carteira comercial e caixas econômicas (macrossegmento Bancário I). Utilizaram-se os dados constantes nos balancetes dos meses de junho e dezembro de cada ano do período de análise extraídos do site do Banco Central do Brasil (BC). A metodologia utilizada foi a análise de frequência em histograma.Resultados: Os resultados indicaram indícios de gerenciamento de resultados para evitar a divulgação de prejuízos nos bancos de pequeno porte em ambos os semestres do período analisado. Em relação aos bancos de grande porte, no entanto, os resultados não apontaram indícios de gerenciamento de resultados para evitar a divulgação de prejuízos.Contribuições: Os achados da pesquisa contribuem com a literatura sobre gerenciamento de resultados no setor bancário brasileiro. Além disso, contribuem com os usuários das demonstrações contábeis dos bancos, em especial, dos de pequeno porte, ao demonstrar que as informações ali constantes devem ser analisadas com maior cuidado visto que podem ter sido gerenciadas pela administração.

Biografia do Autor

Lorena Oliveira de Sousa, Universidade Federal de Minas Gerais
Graduada em Ciências Contábeis pela FACE/UFMG
Valéria Gama Fully Bressan, Universidade Federal de Minas Gerais
Doutora em Economia Aplicada pela UFVProfessora Adjunta do Centro de Pós-graduação e Pesquisas em Contabilidade e Controladoria do Departamento de Ciências Contábeis da FACE/UFMG
Publicado
2017-12-23
Seção
Seção Nacional