IMERSÃO E JORNALISMO: uma análise das narrativas de produtos jornalísticos digitais

  • Adalton dos Anjos FONSECA Universidade Federal da Bahia - UFBA

Resumo

O artigo analisa mudanças no jornalismo a partir da observação de estratégias
narrativas alinhadas com a imersão. Elabora-se um instrumento de análise com o
apoio de aspectos da Teoria Narrativa, da Convergência Jornalística e do conceito
de imersão. Os estudos de caso são compostos por narrativas sobre o autismo e o
rompimento da barragem de Mariana (MG). Utilizamos como contraponto para a
identificação de mudanças e continuidades os valores jornalísticos. Entre os
achados estão uma divisão da autonomia do jornalista com a equipe de trabalho e
usuários bem como uma mudança na relação com o tempo na produção e
circulação.
Palavras-chave
Imersão; Narrativas Jornalísticas; Jornalismo Imersivo; Grande Reportagem
Multimídia; Realidade Virtual.

Biografia do Autor

Adalton dos Anjos FONSECA, Universidade Federal da Bahia - UFBA

Doutorando do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas (PósCom) da
Universidade Federal da Bahia (UFBA). Membro do Grupo de Pesquisa em Jornalismo On-line (GJOL).
Jornalista (UFBA) e Relações Públicas (UNEB).

Publicado
2019-12-09
Seção
Pauta Livre | Free Theme Journalism | Temas Libres en el Periodismo | Thème Libre sur le Journalisme