OS LABIRINTOS DO DESEJO: desenhando uma metodologia anarcoqueer

  • Adriano de León

Resumo

Este texto propõe um debate acerca das metodologias usuais em Ciências Sociais e seu emprego no território das sexualidades queer. A partir de uma aproximação das teses queer com o anarquismo, o fundamento do debate recai sobre as principais teorias do desejo. Com base na visão das identidades queer como nômades, como o desejo como um fluxo sem direção, eu proponho uma metodologia diferenciada para a investigação do campo queer.
Publicado
2012-10-04
Como Citar
de León, A. (2012). OS LABIRINTOS DO DESEJO: desenhando uma metodologia anarcoqueer. REVISTA DE CIÊNCIAS SOCIAIS - POLÍTICA & TRABALHO, 36. Recuperado de https://periodicos.ufpb.br/ojs/index.php/politicaetrabalho/article/view/12872
Seção
Nº 36 - DOSSIÊ ESTUDOS ANARQUISTAS CONTEMPORÂNEOS