Tolerância ao Risco de Gestores: Análise na Tomada de Decisões nos Campos Pessoal e Organizacional

Autores

  • Ernando Fagundes Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
  • Darci Schnorrenberger Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
  • Valdirene Gasparetto Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
  • Rogério João Lunkes Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.2318-1001.2021v9n1.49966

Resumo

RESUMO

Objetivo: Analisar se o campo da decisão (pessoal ou organizacional) influencia na tolerância ao risco de gestores.

Fundamento: O estudo é realizado à luz da Teoria do Prospecto (Kahneman & Tversky, 1979).

Método: Foi realizado um experimento de campo com 236 gestores de organizações que responderam um questionário com decisões envolvendo riscos, a partir das quais deveriam optar por uma das duas alternativas apresentadas. O tratamento realizado na variável de interesse (campo de decisão) ocorreu por meio da alteração das situações apresentadas aos gestores de cada grupo, mantendo o montante e probabilidade de ocorrência de ganhos e perdas de cada situação.

Resultados: Os resultados indicaram que tomar decisões no campo organizacional influencia na tolerância ao risco do decisor. Na perspectiva de ganhos, em alguns casos os gestores submetidos a decisões organizacionais foram menos tolerantes ao risco do que os submetidos a decisões pessoais. Já na perspectiva de perdas, os gestores que tomaram decisões no campo organizacional foram mais tolerantes ao risco, comparativamente aos que tomaram decisões no campo pessoal.

Contribuições: Os achados ampliam o conhecimento acerca da tolerância ao risco, visto que apresentam o campo de decisão como fator que influencia o comportamento de gestores na tomada de decisão. O estudo contribui com a literatura sobre tolerância ao risco e suas alterações a partir da abordagem comparativa do campo no qual as decisões são tomadas - pessoal e organizacional.

 

Palavras-chave: Campo de decisões. Teoria do Prospecto. Tolerância ao risco. Decisões pessoais e organizacionais.

Biografia do Autor

Darci Schnorrenberger, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)

Doutor em Engenharia de Produção

Valdirene Gasparetto, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)

Doutora em Engenharia de Produção

Rogério João Lunkes, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)

Doutor em Engenharia de Produção

Downloads

Publicado

2021-02-11

Como Citar

Fagundes, E., Schnorrenberger, D., Gasparetto, V., & Lunkes, R. J. (2021). Tolerância ao Risco de Gestores: Análise na Tomada de Decisões nos Campos Pessoal e Organizacional. Revista Evidenciação Contábil &Amp; Finanças, 9(1), 22–43. https://doi.org/10.22478/ufpb.2318-1001.2021v9n1.49966

Edição

Seção

Seção Nacional