Prática Intercultural da Liderança: Princípios e Desafios da Pesquisa Empírica

  • Otacílio Torres Vilas-Boas Universidade Federal da Bahia Escola de Administração
  • Eduardo Paes Barreto Davel Universidade Federal da Bahia Escola de Administração
Palavras-chave: liderança, prática, interculturalidade, estudos baseados em prática.

Resumo

Os estudos baseados em prática vem ganhando espaço na pesquisa em Administração, tanto do ponto de vista epistemológico, quanto teórico e metodológico. Todavia, no campo específico da liderança como prática intercultural, as propostas e reflexões metodológicas voltadas para sustentar a prática da pesquisa empírica ainda são limitadas. O objetivo deste artigo é formular e discutir um referencial para auxiliar os estudiosos em sua prática de pesquisa empírica sobre liderança como prática intercultural. O referencial apresentado articula princípios conceituais, metodológicos e analíticos voltados para orientar a pesquisa de práticas interculturais da liderança. Ademais, o artigo ilustra o uso do referencial por meio de um estudo empírico sobre a liderança em projetos internacionais na organização Rotary e discute os principais desafios na realização deste tipo de pesquisa. Com isso, os resultados desta pesquisa contribuem para o desenvolvimento de pesquisas empíricas com reflexividade mais apurada e com consideração plena da força da cultura na prática intercultural da liderança no mundo contemporâneo.
Publicado
2018-07-03
Como Citar
Vilas-Boas, O. T., & Davel, E. P. B. (2018). Prática Intercultural da Liderança: Princípios e Desafios da Pesquisa Empírica. TPA - Teoria E Prática Em Administração, 8(1), 106-137. https://doi.org/10.21714/2238-104X2018v8i1-35514
Seção
Artigos de Pesquisa (Research Papers)