Pedagogia Fast Food: Estágio Docente e a Formação de Professores

  • Jefferson Rodrigues Pereira Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG Centro Universitário Unihorizontes
  • Caissa Veloso e Sousa Centro Universitário Unihorizontes
  • Natália Xavier Bueno Centro Universitário Unihorizontes
  • Leonardo Tadeu dos Santos Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG
Palavras-chave: Estágio Docente. Professor. Stricto sensu. Crise Educacional.

Resumo

O presente estudo propõe analisar como o estágio docente supervisionado pode contribuir na formação acadêmica e profissional de professores, sob a percepção de mestre e doutores egressos de cursos de pós-graduação stricto sensu em Administração de instituições de ensino superior localizadas no estado de Minas Gerais. Para tal, desenvolveu-se uma pesquisa de caráter descritivo, à luz de uma abordagem qualitativa com dezenove mestres e doutores egressos de programas de mestrado e doutorado. Utilizou-se a análise de conteúdo temática para o tratamento de dados. Dentre os resultados alcançados destaca-se que, apesar das críticas e inquietações que circundam esta temática, a prática de estágio docente foi avaliada como uma metodologia importante no processo de formação do futuro professor.

Biografia do Autor

Jefferson Rodrigues Pereira, Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG Centro Universitário Unihorizontes
Doutorando em Administração no Centro de Pós-Graduação e Pesquisas em Administração (CEPEAD) da Faculdade de Ciências Econômicas da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Mestre em Administração pelo Centro Universitário Unihorizontes. Foi bolsista de Mestrado da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG). Graduado em Administração pelo Centro Universitário Unihorizontes. Atua como professor no Centro Universitário Unihorizontes nos cursos de Administração, Ciências Contábeis, Gestão da Qualidade e Gestão comercial. Orientador e professor da disciplina de Trabalho de Conclusão de Curso desde janeiro/2016. Pesquisador no Núcleo de Estudos sobre Comportamento, Pessoas e Organizações (NECOP) da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).
Caissa Veloso e Sousa, Centro Universitário Unihorizontes
Doutora em Administração de Empresas pela Universidade Federal de Minas Gerais, na linha de pesquisa de Administração Estratégica e Mercadologia. Tema de pesquisa da tese: Neuromarketing. Possui mestrado em Administração pela FEAD - MINAS (2007) e graduação em Ciências Econômicas pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (1999). Pesquisadora de Pós Doutorado - Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Professora e Pesquisadora do Curso de Mestrado em Administração da Faculdade Novos Horizontes e dos Cursos de Graduação em Administração e Graduação em Logística. Professora do curso de Administração da Faculdade IBMEC. Linhas de interesse de pesquisa: marketing; comportamento do consumidor (campo multidisciplinar de pesquisas); neuromarketing; neuroeconomia; tomada de decisão; estratégias coletivas de empresas.
Natália Xavier Bueno, Centro Universitário Unihorizontes
Mestre em Administração pelo Centro Universitário Unihorizontes
Leonardo Tadeu dos Santos, Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG
Mestrando em Administração na Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG
Publicado
2018-07-03
Como Citar
Pereira, J. R., Sousa, C. V. e, Bueno, N. X., & Santos, L. T. dos. (2018). Pedagogia Fast Food: Estágio Docente e a Formação de Professores. TPA - Teoria E Prática Em Administração, 8(1), 47-74. https://doi.org/10.21714/2238-104X2018v8i1-36797
Seção
Artigos de Pesquisa (Research Papers)