A Aceitação do Mobile Banking no Brasil: uma Análise Por Meio do Modelo TAM Estendido

  • Evandro Luiz Lopes Programa de Pós-graduação em Administração Universidade Nove de Julho Universidade Federal de São Paulo EPPEN - Escola Paulista de Política, Economia e Negócios http://orcid.org/0000-0002-2780-4215
  • Laís Lima Caracciolo Universidade Federal de São Paulo
  • Eliane Herrero Faculdades Metropolitanas Unidas
Palavras-chave: aceitação tecnológica, intenção de uso, comportamento do consumidor, mobile banking.

Resumo

Não existem garantias de que os avanços tecnológicos serão amplamente absorvidos e postos em prática. Um influente modelo de aceitação de tecnologia, o TAM, postula que percepções individuais sobre novas tecnologias – Utilidade Percebida (UP) e Facilidade de Uso Percebida (FUP) – podem ser utilizadas para prever sua aceitação, expressa pela Intenção de Uso (IU). Em telecomunicações, o número de consumidores que utilizam tecnologias idênticas ou compatíveis é um fator que influencia o comportamento de novos consumidores. Combinando o modelo TAM e a proposição de que o número de usuários também influencia o processo de tomada de decisão do consumidor em determinado contexto, o objeto deste estudo foi uma pesquisa empírica, sendo seu objetivo examinar os efeitos da percepção do número de usuários no processo de adoção e uso do Mobile Banking no Brasil. Assim, conduzimos um survey com 147 estudantes universitários, cujos dados foram analisados por meio da modelagem de equações estruturais. Os resultados comprovam a eficiência do modelo TAM para estimar a intenção de uso de novas tecnologias e também que o número de usuários percebido pelo adotante da nova tecnologia exerce influência positiva sobre sua intenção de uso.

Biografia do Autor

Evandro Luiz Lopes, Programa de Pós-graduação em Administração Universidade Nove de Julho Universidade Federal de São Paulo EPPEN - Escola Paulista de Política, Economia e Negócios
Doutor e Mestre em Administração pela Universidade Nove de Julho Professor Titular do Programa de Pós-graduação em Administração da Universidade Nove de Julho Professor Adjunto de Marketing da Universidade Federal de São Paulo - UNIFESP
Laís Lima Caracciolo, Universidade Federal de São Paulo
Bacharel em Ciências Econômicas pela UNIFESP
Eliane Herrero, Faculdades Metropolitanas Unidas
Mestre em Marketing pelo Centro Universitário da FMU
Publicado
2018-07-03
Como Citar
Lopes, E. L., Caracciolo, L. L., & Herrero, E. (2018). A Aceitação do Mobile Banking no Brasil: uma Análise Por Meio do Modelo TAM Estendido. TPA - Teoria E Prática Em Administração, 8(1), 190-221. https://doi.org/10.21714/2238-104X2018v8i1-37816
Seção
Artigos de Pesquisa (Research Papers)