O FUTURO DO PROFISSIONAL BIBLIOTECÁRIO: DESMISTIFICANDO PREVISÕES EXAGERADAS

  • Jorge Santa Anna Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

Resumo

Resumo: Constitui uma reflexão teórica da literatura acerca do futuro do bibliotecário face aos novos tempos. Objetiva discutir a atuação híbrida do profissional bibliotecário do futuro, desmistificando a previsão equivocada de sua extinção, mesmo diante das novas tendências sociais provocadas pela revolução tecnológica. Refuta as constantes especulações acerca da extinção do bibliotecário diante dos impactos acometidos pela explosão da informação, globalização e novas tecnologias. Demonstra a necessidade de hibridismo a ser adotada por todas as profissões, no sentido de se adaptar ao novo paradigma social. Conclui que, o bibliotecário possui um campo de atuação em expansão, ampliando suas possibilidades de trabalho e assegurando sua necessidade e reconhecimento no mercado. Aprende que, a atuação do bibliotecário do futuro faz-se em meio a novos espaços de trabalho, como: a atuação em bibliotecas híbridas, bibliotecas digitais, em consultoria informacional e gestão da informação em organizações, além das grandes possibilidades de trabalho demandadas pelo ambiente web. Palavras-chave: Novas tecnologias; Bibliotecas híbridas; Bibliotecas digitais; Consultoria informacional. Gestão da informação. Palavras-chave: Novas tecnologias. Bibliotecas híbridas. Bibliotecas digitais. Consultoria informacional. Gestão da informação.

Biografia do Autor

Jorge Santa Anna, Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)
Professor do Departamento de Biblioteconomia da universidade Federal do Espírito Santo (UFES). Atua no ramo da Consultoria Informacional.

Referências

A TRIBUNA. Avanço na tecnologia ameaça oito profissões. Vitória, sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013, Caderno Economia, p. 31.

ARAÚJO JÚNIOR, Rogério Henrique de. Precisão no processo de busca e recuperação da informação. Brasília: Thesaurus, 2007.

BAPTISTA, Sofia Galvão. As oportunidades de trabalho existentes na internet na área de construção de unidade de informação. In: ______; MUELLER, Suzana Pinheiro Machado (Org.). Profissional da informação: o espaço de trabalho. Brasília: Thesaurus, 2004.

BARRETO, Sheila Cristina da Silva Góes. O processo de difusão de produtos e serviços inovadores em bibliotecas universitárias brasileiras. 2010. Dissertação (Mestrado em Administração) - Programa de Pós-Graduação em Administração, Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2010.

BORGES, Jorge Luis. Ficções. São Paulo: Abril Cultural, 1972.

BORGES, Maria Alice Guimarães. O profissional da informação: somatório de formações, competência e habildiades. In: BAPTISTA, Sofia Galvão; MUELLER, Suzana Pinheiro Machado (Org.).Profissional da informação: o espaço de trabalho. Brasília: Thesaurus, 2004, p. 55-69.

COBRA, Marcos. Administração de marketing no Brasil. 3. ed. Rio de Janeiro: Campus, Elsevier, 2009.

CUNHA, Murilo Bastos da. A biblioteca universitária na encruzilhada.

DataGramaZero, v.11, n.6, dez/2010. Disponível em: <http://www.datagramazero .org.br/dez10/Art_07.htm>. Acesso em: 20 fev. 2013.

DAVENPORT, T.; PRUSAK, L. Conhecimento empresarial. Rio de Janeiro: Campus, 1998.

DIAS, Eduardo Wense. Organização da informação no contexto das bibliotecas tradicionais e digitais. In: NAVES, Madalena Martins Lopes; KURAMOTO, Hélio (Org.). Organização da informação: princípios e tendências. Brasília: Briquet de Lemos, 2006.

DRABENSTOTT, Karen; BURMAN, Celeste. Revisão analítica da biblioteca do

futuro. Ci. Inf. [online], v.26, n.2, 1997. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/ci

/v26n2/v26n2-11.pdf>. Acesso em: 20 ago. 2013.

FIGUEIREDO, Messias B., FISCHER, Fernando; SILVA, Sued Mª. Passos; SCHOMER, Paula. Biblioteca híbrida especializada em gestão social: projeto piloto. [2013]. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/ci/v31n2/12907.pdf>. Acesso em: 20 dez. 2013.

GARCEZ, Eliane Maria Stuart; RADOS, Gregório J. Varvakis. Biblioteca híbrida: um novo enfoque no suporte à educação a distância. Ci. Inf., Brasília, v. 31, n. 2, p. 44-51, maio/ago. 2002. Diponível em: <http://www.scielo.br/pdf/ci/v31n2/12907.pdf>. Acesso em: 21 fev. 2013.

GARCIA, Joana Coeli Ribeiro. Preservação das memórias: marca da Biblioteconomia. Informação & Sociedade, v. 15, n. 2, 2005. Disponível em: < http://www.ies.ufpb.br/ojs/index.php/ies/article/view/465/1510>. Acesso em: 15 out. 2012.

GRUPO TELEFÔNICA NO BRASIL. A Sociedade da informação no Brasil: presente e perspectivas. São Paulo: Telefônica, 2002.

MADUREIRA, Helaina Oliveira; VILARINHO, Lucia Regina. A formação do

bibliotecário para atuar em bibliotecas digitais: uma questão a aprofundar.

Perspectivas em Ciência a Informação, v.15, n.3, p.87-106, set./dez. 2010.

MCINERNEY, C. R. Compartilhamento e gestão do conhecimento: profissionais da

informação em um ambiente de confiança mútua, In: TARAPANOFF. Kira M. A. (org.) Inteligência, organizacional e competitiva. Brasília: UNB, 2001.

MILANO, Manoelle Cristine Dalri; DAVOK, Delsi Fries. Consultor de Informação: serviços prestados por empresas de consultoria na área de Biblioteconomia e Gestão da Informação. Revista ACB: Biblioteconomia em Santa Catarina, Florianópolis, v.14, n.1, p.253-278, jan./jun., 2009. Disponível em: . Acesso em: 20 dez. 2013.

MUELLER, Suzana pinheiro Machado. Profissional da Informação na ótica de Abolt. In: BAPTISTA, Sofia Galvão; MUELLER, Suzana Pinheiro Machado (org.). Profissional da informação: o espaço de trabalho. Brasília: Thesaurus, 2004.

OLIVEIRA, Sidnei. Profissões do futuro: você está no jogo? São Paulo: Integrare, 2013.

RANGANATHAN, S. R. As cinco leis da biblioteconomia. Brasília: Briquet de Lemos/Livros, 2009.

OLIVEIRA, Marlene de (Org.). Ciência da informação e biblioteconomia: novos conteúdos e espaços de atuação. 2. ed. Belo Horizonte: Ed. UFMG, 2011.

PIZARRO, Daniella Câmara; DAVOK, Delsi Fries. O papel do bibliotecário na gestão da informação empresarial: uma pesquisa bibliográfica em periódicos nacionais de Biblioteconomia e Ciência da Informação. Revista ACB: Biblioteconomia em Santa Catarina, Florianópolis, v.13, n.1, p.37-58, jan./jun., 2008. Disponível em: < http://revista.acbsc.org.br/racb/article/view/546/671>. Acesso em: 20 dez. 2013.

SANTA ANNA, Jorge. A (r)evolução digital e os dilemas para a catalogação: os cibertecários em atuação. Encontro Internacional de Catalogadores, 9. Encontro Nacional de Catalogadores, 2., Anais.... Rio de Janeiro, 27 a 29 de nov. 2013.Disponível em: < http://www.enacat.ufscar.br/index.php/eic-enacat/eic-enacat/paper/viewFile/21/15>. Acesso em: 20 dez. 2013.

SANTA ANNA, Jorge; GERLIN, Meri Nadia; SIQUEIRA, Poliana. A tecnologia da informação e seus reflexos no serviço de referência da biblioteca central da Ufes. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE BIBLIOTECONOMIA, DOCUMENTAÇÃO E CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 25, 2013, Florianópolis. Anais... Disponível em: <http://xxvcbbd.febab.org.br/>. Acesso em: 2 set. 2013.

SANTOS, Plácida Amorim da Costa. As novas tecnologias na formação do profissional da informação. In: VALENTIM, Marta Lígia. Formação do profissional da informação. São Paulo: Polis, 2002, p. 103-116.

SANTOS, Gildenir Caroline; PASSOS, Rosemary. O papel das bibliotecas e dos bibliotecários às portas do século XXI: considerações sobre a convivência da informação impressa, virtual e digital. In: SEMINÁRIO NACIONAL DE BIBLIOTECAS UNIVERSITÁRIAS, 11., 2000, Florianópolis. Anais... Florianópolis: UFSC, 2000. 1 CD.

SETZER, Valdemar. Dado, conhecimento e competência. DataGamaZero, n. 1. 2000. Disponível em: http://www.ime.usp.br/~ vwset zer/dado-info.html. Acesso em: 15 de set. 2011.

SMIT, Johanna W. O profi ssional da informação e sua relação com as áreas de Biblioteconomia/Documentação, Arquivologia e Museologia. In:

VALENTIM, Marta Lígia (Org.). Profissionais da informação: formação, perfi l e atuação profissional. São Paulo: Polis, 2000, p.119-134.

VALENTIM, Marta Lígia. Formação: competências e habilidades do profissional da informação. In: ______ (org.). Formação do profissional da informação. São Paulo: Polis, 2002, p. 117-132.

WERTHEIN, Jorge. A sociedade da informação e seus desafios. Ci. Inf., Brasília, v. 29, n. 2, p. 71-77, maio/ago. 2000. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/ci/v29n2 /a09v29n2.pdf>. Acesso em: 20 dez. 2013.

Publicado
2014-12-31
Seção
ARTIGOS DE REVISÃO