Comportamento informacional em comunidades virtuais: um estudo netnográfico do grupo de interesses SEER/OJS IN BRAZIL do Facebook

  • Maurício de Vargas Corrêa Universidade Federal do Rio Grande do Sul Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Informação
  • Helen Beatriz Frota Rozados Universidade Federal do Rio Grande do Sul Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação

Resumo

O uso das tecnologias da informação e da comunicação (TIC), mais precisamente a Internet e a Web, tem influenciado o comportamento informacional de uma parcela significativa da população brasileira. Um dos fenômenos gerados a partir da apropriação social das TIC é a formação de comunidades virtuais no ciberespaço. Nessas comunidades, os fluxos de informação são constantes e, muitas vezes, superam o que ocorre nas interações presenciais. Para demonstrar como o comportamento informacional se manifesta nas comunidades virtuais do ciberespaço, foi selecionado como campo de pesquisa o grupo de interesses SEER: OJS in Brazil do SRS Facebook. Por meio da netnografia, um método de pesquisa desenvolvido para o estudo de comunidades virtuais, o estudo buscou identificar os comportamentos de busca, uso e compartilhamento da informação encontrados na comunidade, analisar as motivações dos membros para a busca, o uso e compartilhamento da informação e identificar os papéis desempenhados pelos participantes nos fluxos de informação observados. A análise dos dados revelou que o comportamento informacional predominante na comunidade é o compartilhamento da informação; que os tipos de informação compartilhados abrangem diferentes aspectos da prática científica, com ênfase nos periódicos científicos; que alguns participantes utilizam a comunidade para buscar informações relativas ao Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas (SEER) e que os participantes da comunidade alimentam os fluxos de informação de diferentes formas. Por fim, conclui-se que as comunidades virtuais são espaços interessantes para a realização de pesquisas sobre comportamento informacional na área da Ciência da Informação.

Biografia do Autor

Maurício de Vargas Corrêa, Universidade Federal do Rio Grande do Sul Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Informação
Bacharel em Biblioteconomia. Mestrando no Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Informação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (PPGCOM/UFRGS).
Helen Beatriz Frota Rozados, Universidade Federal do Rio Grande do Sul Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação
Doutora em Comunicação e Informação (PPGCOM/UFRGS). Professor associado da Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (FABICO/UFRGS).

Referências

AGUIAR, Sonia. Redes sociais e tecnologias digitais de comunicação e informação: relatório final de pesquisa. Rio de Janeiro: Nupef-Rits, 2006. Disponível em: <http://www.nupef.org.br/sites/default/files/rel_nupef_redes_2006.pdf>. Acesso em: 8 jan. 2015

CHOO, Chun Wei. Como ficamos sabendo: um modelo de uso da informação. In: ______. A organização do conhecimento: como as organizações usam a informação para criar significado, construir conhecimento e tomar decisões. São Paulo: Senac, 2003. cap. 2.

CIRIBELI, João Paulo; PAIVA, Victor Hugo Pereira. Redes e mídias sociais na internet: realidades e perspectivas de um mundo conectado. Mediação, Belo Horizonte, v. 13, n. 12, p. 58-74, jan./jun. 2011. Disponível em: <http://www.fumec.br/revistas/mediacao/article/view/509/504>. Acesso em: 11 jan. 2014.

CRUZ, Ruleandson do Carmo. Redes sociais virtuais: premissas teóricas ao estudo em ciência da informação. TransInformação, Campinas, v. 22, n. 3, p. 255-272, set./dez. 2010. Disponível em: <http://periodicos.puccampinas.edu.br/seer/index.php/transinfo/article/view/499/479>. Acesso em: 16 jan. 2015.

DAVENPORT, Thomas H.; PRUSAK, Laurence. Cultura e comportamento em relação à informação. In: ______. Ecologia da informação: por que só a tecnologia não basta para o sucesso na era da informação. São Paulo: Futura, 1998. cap. 6.

FACEBOOK. Noções básicas de grupo. 2015. Disponível em: <https://www.facebook.com/help/162866443847527/>. Acesso em: 7 fev. 2015.

FERREIRA, Gonçalo Costa. Redes sociais de informação: uma história e um estudo de caso. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v.16, n.3, p.208-231, jul./set. 2011. Disponível em: <http://portaldeperiodicos.eci.ufmg.br/index.php/pci/article/view/1149/918>. Acesso em: 18 dez. 2014.

FRAGOSO, Suely; RECUERO, Raquel; AMARAL, Adriana. Métodos de pesquisa para internet. Porto Alegre: Sulina, 2011. p. 167-203. (Coleção Cibercultura).

GASQUE, Kelley Cristine Dias; COSTA, Sely Maria de Souza. Evolução teórico-metodológica dos estudos de comportamento informacional de usuários. Ciência da Informação, Brasília, DF, v. 39, n. 1, p. 21-32, jan./abr. 2010. Disponível em: <http://ref.scielo.org/2xt4hx>. Acesso em: 9 dez. 2014.

GIBBS, Graham. Análise de dados qualitativos. Porto Alegre: Artmed, 2009. (Coleção Pesquisa Qualitativa).

GONZÁLEZ TERUEL, Aurora. Los estudios de necesidades y usos de la información: fundamentos y perspectivas actuales. Gijón: Trea, c2005.

KOZINETS, Robert V. Netnografia: realizando pesquisa etnográfica online. Porto Alegre: Penso, 2014.

LEMOS, André. Cibercultura: tecnologia e vida social na cultura contemporânea. 5. ed. Porto Alegre: Sulina, 2010. (Coleção Cibercultura).

MARTÍNEZ-SILVEIRA, Martha; ODDONE, Nanci. Necessidades e comportamento informacional: conceituação e modelos. Ciência da Informação, Brasília, DF, v. 36, n. 2, p. 118-127, maio/ago. 2007. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/ci/v36n2/12.pdf>. Acesso em: 9 dez. 2014.

RECUERO, Raquel. Redes sociais na internet. Porto Alegre: Sulina, 2010. (Coleção Cibercultura).

TAJRA, Sanmya Feitosa. Comunidades virtuais: um fenômeno na Sociedade do Conhecimento. São Paulo: Érica, 2002.

WILSON, T. D. Human information behaviour. Informing Science Research, v. 3, n. 2, p. 49-55, 2000. Disponível em:<https://www.ischool.utexas.edu/~i385e/readings/Wilson.pdf>. Acesso em: 9 dez. 2014.

WILSON, T. D. On user studies and information needs. Journal of Documentation, London, v. 37, n. 1, p. 3-15, mar. 1981. Disponível em: <http://dx.doi.org/10.1108/eb026702>. Acesso em: 12 dez. 2014.

WILSON, T. D. Information sharing: an exploration of the literature and some propositions. Information Research: an international electronic journal, United Kingdom, v. 15, n. 4, dez. 2010. Disponível em: <http://www.informationr.net/ir/15-4/paper440.html>. Acesso em: 12 dez. 2014.

Publicado
2016-12-15
Seção
RELATOS DE PESQUISA