Da Racionalidade Instrumental para a Substantiva: explorando possibilidades da Gestão De Clima Organizacional

  • Luciana Campos Lima FEA USP
  • Wilson Aparecido Costa de Amorim FEA USP
  • André Luiz Fischer FEA USP

Resumo

A partir da abordagem qualitativa, procurou-se analisar como se dá o processo de apropriação das características da racionalidade substantiva pela prática de Gestão de Clima organizacional na ALN (nome fictício). Para isso, fez-se uso dos conceitos das racionalidades instrumental e substantiva de Guerreiro Ramos e das contribuições de Serva (1997) sobre a coexistência de ambas no ambiente organizacional, bem como do seu modelo de análise das práticas administrativas. Estudou-se o caso de forma longitudinal entre os anos de 1999 a 2005, utilizando-se de uma pesquisa documental histórica, complementada por entrevistas com os gerentes. Após a análise e interpretação comparada dos conteúdos documentais, e das percepções dos entrevistados à luz do referencial teórico, evidenciou-se que as pesquisas de clima realizadas de 1999 a 2003 reforçavam a racionalidade instrumental na ALN. A pesquisa de 2005 mostrou-se facilitadora das características da racionalidade substantiva.

Biografia do Autor

Luciana Campos Lima, FEA USP
Doutoranda em Administração da FEA USP Professora da FIA
Wilson Aparecido Costa de Amorim, FEA USP
Economista pela FEA USP Mestre em Economia pela PUC SP Doutor em Administração (Recursos Humanos) FEA USP Professor do Depto de Administração - Área de Gestão de Pessoas nas Organizações
André Luiz Fischer, FEA USP
Mestre em Sociologia - PUC SP Doutor em Administração - FEA USP Professor do Departamento de Administração da FEA USP - Área de Gestão de Pessoas nas Organizações
Publicado
2015-06-30
Como Citar
Lima, L. C., Amorim, W. A. C. de, & Fischer, A. L. (2015). Da Racionalidade Instrumental para a Substantiva: explorando possibilidades da Gestão De Clima Organizacional. TPA - Teoria E Prática Em Administração, 5(1), 159-182. https://doi.org/10.21714/2238-104X2015v5i1-19838
Seção
Artigos de Pesquisa (Research Papers)