A Postura dos Associados de uma Cooperativa Frente aos Aspectos Culturais Relacionados a Sucessão

Manoela Morais, Luisa Rhoden Rech, Erlaine Binotto, Clandio Favarini Ruviaro

Resumo


Este estudo tem como objetivo analisar os aspectos culturais, na perspectiva de Prates & Barros (1997), dos associados de uma cooperativa agropecuária de Dourados-MS, diante do processo de sucessão da diretoria. É uma pesquisa exploratória-descritiva com delineamento de campo e método qualitativo. Foram aplicados questionários e realizados quatro grupos focais, totalizando 24 associados da cooperativa estudada. O modelo analisado evidenciou os traços personalismo, mecanismo da lealdade, paternalismo e postura de espectador, assim, os traços culturais presentes nos cooperados em relação ao processo de sucessão gerencial estão principalmente presentes no subsistema dos líderes e no subsistema pessoal. Dessa forma, a sucessão gerencial se mostrou um desafio que é posta em discussão na cooperativa, é entendida pelos associados como um processo justo e transparente, porém, a falta de pessoas qualificadas e disponíveis para assumir o cargo é um fator que pode levar a permanência da direção no poder por um tempo prolongado.

Palavras-chave


Traços Culturais; Cooperação; Confiança; Transparência

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21714/2016_v6i229900



TPA está presente nos seguintes Diretórios e Indexadores:

DIRETÓRIOS:

INDEXADORES:

REDIB
SPELL



TPA recomenda a leitura de:

Manual de Boas Práticas da Publicação Científica - ANPAD



Instituições de referência para a TPA:



Contato: tpa@ccsa.ufpb.br

TPA - Teoria e Prática em Administração

Licença Creative Commons
Os trabalhos publicados na Teoria e Prática em Administração (TPA) estão licenciados com uma
Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.



Projeto e direitos: Mariana Cantisani | Ronei Oliveira | Carlo Bellini