PANORAMA DA ATUAÇÃO DO PROFISSIONAL ARQUIVISTA

Sonia Scoralick de Almeida, Emeide Nóbrega Duarte

Resumo


Objetiva analisar a atuação do profissional arquivista no âmbito da UFPB, Campus I, a partir das atribuições estabelecidas pela Lei 6546/78 que rege a profissão e pelo que estabelece o Projeto Político Pedagógico – PPP do curso de arquivologia da UFPB; elenca as competências e as habilidades requeridas do profissional; analisa a grade curricular do curso; mostra o perfil do profissional; aponta as facilidades e as barreiras encontradas no fazer arquivístico e as condições em que se encontram os arquivos da Instituição. A partir desses pontos, oferece sugestões para melhorias e adequações necessárias ao exercício da profissão. É um estudo exploratório e descritivo. A pesquisa caracteriza-se como bibliográfica, de campo, de natureza quanti-qualitativa. Os instrumentos de coleta de dados foram a observação direta e o formulário com questões objetivas e abertas, no qual a pesquisadora fez a entrevista formulando as perguntas e anotando as respostas do entrevistado. Os sujeitos desta pesquisa são os arquivistas que compõem o quadro nesta função na UFPB, Campus I. A análise dos resultados permitiu identificar as facilidades e as barreiras que o arquivista encontra no exercício da profissão e possibilitou elencar suas reivindicações e sugestões com vistas a atender às demandas para uma gestão eficiente dos arquivos.

 

 


Palavras-chave


Profissional Arquivista. Atuação do Arquivista. Projeto Político Pedagógico – Arquivologia – UFPB. Lei nº 6546/78.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, I. N. C. N.; FRANÇA, A. L. D. de. In: IV Simpósio Baiano de Arquivologia. A lei 6546/78 e os concursos públicos: a exigência de escolaridade do profissional arquivista. Disponível em: . Acesso em: 09 mar. 2016.

ARAÚJO, C. A. Á.; TANUS, G. F. S. C. O ensino da arquivologia no Brasil: fases e influências. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação. V. 18, n. 37, p. 83-102, maio/ago., 2013.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6023: Informação e Documentação - Referências - Elaboração. Rio de Janeiro: ABNT, 2000.

BELLOTO, H. L. Arquivística: objetos, princípios e rumos. São Paulo, Associação dos Arquivistas de São Paulo, 2002.

______ Arquivos Permanentes: Tratamento Documental. 4. ed. Rio de Janeiro: Ed. FGV, 2006. 320 p.

______.______. O arquivista na sociedade contemporânea. In: Arquivos Permanentes: Tratamento Documental. Rio de Janeiro: Ed. FGV, 2006. Disponível em: . Acesso em: 16 abr. 2016.

BELLUZZO, R. C. B. As competências do profissional da informação nas organizações contemporâneas. Disponível em: . Acesso em: 26 jun. 2016.

BRASIL. Ministério do Trabalho e Emprego – MTE. Portal do Trabalho e Emprego. Classificação Brasileira de Ocupações – CBO. Disponível em: . Acesso em: 09 fev. 2016.

BRASIL. Lei nº 6.546, de 4 de julho de 1978, que dispõe sobre a regulamentação das profissões de Arquivista e de técnico de Arquivo. Disponível em: . Acesso em: 22 jan. 2016.

BRASIL. Decreto 82590 de 06 de novembro de 1978, que regulamenta a Lei nº 6.546, de 4 de julho de 1978, que dispõe sobre a regulamentação das profissões de Arquivista e de técnico de Arquivo. Disponível em: . Acesso em: 09 fev. 2016.

BRASIL. Lei 8159 de 08 de janeiro de 1991. Dispõe sobre a política nacional de arquivos públicos e privados e dá outras providências . Disponível em: . Acesso em: 27 abr. 2016.

DUARTE, R. Pesquisa Qualitativa: Reflexões sobre o trabalho de Campo. Disponível em: http://unisc.br/portal/upload/com_arquivo/pesquisa_qualitativa_reflexoes_sobre_o_trabalho_de_campo.pdf Acesso em 06 jun. 2016.

DUARTE, Z. Arquivo e arquivista: conceituação e perfil profissional. Revista da Faculdade de Letras, Ciências e Técnicas do Património. Porto 2006-2007. I Série vol. V-VI, pp. 141-151. Disponível em: . Acesso em: 16 fev. 2016.

ICA – Internacional Council on Archives. Declaração Universal sobre os Arquivos. 2010. Disponível em: . Acesso em: 28 abr. 2016.

JARDIM, J. M. A formação do arquivista na sociedade da informação. In: ACTAS – Congresso Nacional de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas , v. 7, 2001. Disponível em: . Acesso em: 16 fev. 2016.

LOPEZ, A. P. A. Perspectivas gerais sobre a formação de arquivistas no Brasil. Disponível em: . Acesso em: 27 fev. 2016.

LOPEZ, A. P. A. O ser e o estar arquivista no Brasil de hoje. Disponível em: . Acesso em 27 fev. 2016.

MARCONI, M. de A. LAKATOS, E. M. Metodologia do Trabalho Científico. 7. ed. São Paulo: Ed. Atlas, 2012.

OLIVEIRA, F. H. de. A formação em Arquivologia nas universidades brasileiras: objetivos comuns e realidades particulares. (Tese de Doutorado). FCI/Universidade de Brasília, UnB, 2014. 223 fl.

______. A formação do Arquivista na Universidade de Brasília e sua inserção no mercado de trabalho da capital federal. In: XI Encontro Nacional de Pesquisa em Ciência da Informação. 2010. GT6 Informação, Educação e Trabalho. Disponível em: . Acesso em: 10 abr. 2016.

PAES, M. L. Arquivo: Teoria e Prática. 3. ed, Rio de Janeiro: Ed. FGV, 2004, 228 p.

PORTAL DO ARQUIVISTA. Disponível em: . Acesso em 01 mar. 2016.

RIBEIRO, F. A Arquivística aplicada no Campo da Ciência da Informação. Disponível em: . Acesso em: 21 abr. 2016.

SCHÄFER, M. B.; SANCHES, M. A. B. A relação do Arquivista com a gestão do conhecimento: análise em uma instituição pública federal. Disponível em: . Acesso em: 06 jul. 2016.

SANTOS, G. do N. dos; BARBALHO C. R. S.; SANTOS FILHA, R. Damasceno dos. Mercado de Trabalho para o Arquivista: um estudo da demanda no setor público em Manaus. Disponível em: . Acesso em: 11 fev. 2016.

SCHELLENBERG, T. R. Arquivos Modernos: Princípios e Técnicas. 6. ed. Rio de Janeiro: Ed: FGV, 2006, 388 p.

SERRA JUNIOR, L. R. O papel do arquivista na gestão do conhecimento. In: II Congresso Nacional de Arquivologia, 2006, Porto Alegre -RS. Anais do II Congresso Nacional de Arquivologia, 2006. Disponível em: . Acesso em: 04 mai. 2016.

SOUSA, M. A. L. de; MEDLEG, G. O arquivista como cientista da informação: formação e perspectivas profissionais. In: V ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO. Anais Ancib . Belo Horizonte (2003). Disponível em: . Acesso em: 02 mai. 2016.

SOUZA, S. O Arquivista nas Instituições do Poder Executivo Federal: da formação profissional às demandas do mundo do trabalho. Archeion Online, João Pessoa, v.2, n.1, p. 67- 89, jan./jun. 2014.

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA. CONSELHO SUPERIOR DE ENSINO, PESQUISA E EXTENSÃO. Resolução 42/2008. Aprova o Projeto Político-Pedagógico do Curso de Graduação em Arquivologia, na modalidade Bacharelado, do Centro de Ciências Sociais Aplicadas, Campus I, desta Universidade.. Acesso em: 09 fev. 2016.

UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA. Projeto Político Pedagógico PPP do curso de Arquivologia. 2008. Disponível em: . Acesso em: 22 jan. 2016.

VASCONCELLOS, C. dos S. Planejamento. 15. ed. São Paulo: Libertad, 1996.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Todos os originais publicados no Periódico Archeion Onlline estão disponibilizados de acordo com a Licença Creative Commons 3.0 Brasil (obrigatoriedade de atribuição de créditos/vedado uso comercial/vedada criação de obras derivadas/permitida citação referenciada).