Biblioterapia:

A leitura e a palavra no empoderamento feminino

  • Ronald Tavares Leão Moret Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano https://orcid.org/0000-0003-3392-1511
  • Maria Valquíria Barbosa Santana Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano

Resumo

O presente relato tem como objetivo descrever as experiências obtidas com as sessões de biblioterapia desenvolvidas no âmbito do projeto de extensão “Biblioterapia: a leitura e a palavra no empoderamento feminino”, cujo objetivo foi fomentar o fortalecimento da autoestima e o empoderamento da mulher, por meio de materiais literários e outros recursos informacionais, a fim de sensibilizá-las quanto às descobertas de suas potencialidades em ações empreendedoras que tenham impacto social. O projeto, contemplado no Edital do Projeto Margaridas IF Baiano 2018, consistiu na aplicação do método biblioterapêutico junto a um grupo de 20 mulheres da comunidade São Benedito, localizada na zona rural do município de Teixeira de Freitas-BA. Durante os encontros quinzenais foram realizadas dinâmicas de grupo, leituras de diversos gêneros textuais, debates e oficina de leitura e escrita. Utilizou-se como instrumento de coleta de dados a observação direta intensiva, tanto na forma assistemática como na participante artificial, e a observação direta extensiva, uma vez que os pesquisadores primeiro integraram-se “ao grupo com a finalidade de obter informações”. Observou-se por meio da expressão facial, vocal e corporal que as participantes vivenciaram os elementos biblioterapêuticos, apresentaram mudança comportamental progressiva em relação a expressar-se em público e a defender seus posicionamentos perante o grupo. Verificou-se ainda que, com base na leitura dirigida dos textos e das imagens estáticas e/ ou em movimento, utilizadas durante as sessões de biblioterapia, as mulheres refletiam sobre a importância do papel feminino na atuação política da comunidade por meio do associativismo, da prática da sororidade e da posição de liderança que podem desenvolvimento social, cultural e econômico da comunidade.

Biografia do Autor

Ronald Tavares Leão Moret, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano
Bacharel em Biblioteconomia pela Universidade Federal da Paraíba (2017). Pós graduando Lato Sensu em Biblioteconomia e Gestão de Biblioteca Escolar pela Universidade Cândido Mendes (2019). Possui experiência em: Biblioteca escolar, Biblioteca Comunitária, Biblioteca Multinível, Biblioterapia e Mediação de leitura com crianças em vulnerabilidade social.
Publicado
2020-04-29
Seção
RELATOS DE EXPERIÊNCIA