GROTOWSKI, UM BRANCO

considerações sobre africanidades, afro-diáspora, representatividade e apropriação cultural

Autores

  • Luciano Mendes de Jesus Universidade de São Paulo
  • Sayonara Sousa Pereira Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.22478/ufpb.2177-8841.2020v11n1.53516

Resumo

O artigo aborda a obra de Grotowski por uma perspectiva étnico-racial, problematizando as relações estabelecidas com culturas africanas e afro-diaspóricas, e com colaboradores negros, especialmente no trabalho em torno dos cantos de tradição. Considerando também a experiência do autor como performer do Workcenter of Jerzy Grotowski and Thomas Richards, são elaboradas questões sobre representatividade, legitimidade e apropriação cultural.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-06-23

Como Citar

MENDES DE JESUS, L.; SOUSA PEREIRA, S. GROTOWSKI, UM BRANCO: considerações sobre africanidades, afro-diáspora, representatividade e apropriação cultural. MORINGA - Artes do Espetáculo, [S. l.], v. 11, n. 1, 2020. DOI: 10.22478/ufpb.2177-8841.2020v11n1.53516. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/index.php/moringa/article/view/53516. Acesso em: 3 dez. 2022.

Edição

Seção

Mestres do Século