A ANÁLISE AMBIENTAL INTEGRADA E SUA CONSTRUÇÃO TEÓRICA NA GEOGRAFIA FÍSICA

  • Marcelo Martins Moura Fé Programa de Pós-Graduação em Geografia Universidade Federal do Ceará - UFC
Palavras-chave: teoria geral dos sistemas, ecodinâmica, paisagem, geossistema, epistemologia da geografia.

Resumo

A análise ambiental integrada foi gestada no seio da Ciência Geográfica a partir da segunda metade do século XX, em um contexto de crise ambiental que o mundo presenciava e requeria respostas. Fundamentando-se teórica e metodologicamente na integração dos elementos naturais do meio físico por um lado, e, sobremaneira, pela inserção do homem e sua influência crescente no contexto ambiental por outro, essa forma de análise foi moldada por importantes concepções teórico-metodológicas que apresentaram, desde seus respectivos adventos, uma estreita relação, por vezes imbricada, por vezes contemporânea. O objetivo deste artigo é apresentar como a Teoria Geral dos Sistemas, a Ecodinâmica, a Análise da Paisagem e a Teoria Geossistêmica promoveram e consolidaram a construção teórica e metodológica da análise ambiental integrada na Geografia Física.

Biografia do Autor

Marcelo Martins Moura Fé, Programa de Pós-Graduação em Geografia Universidade Federal do Ceará - UFC
Doutorando em Geografia no Programa de Pós-Graduação em Geografia da Universidade Federal do Ceará (UFC), na modalidade: Dinâmica Ambiental e Territorial, sob orientação do Prof. Dr. Jean-Pierre Peulvast, desenvolvendo a tese sobre a evolução geomorfológica da Ibiapaba (Ceará). Mestre em Geografia (2008) pela UFC, onde desenvolveu dissertação intitulada: Evolução Geomorfológica do Sítio Natural de Fortaleza, Ceará. Possui graduações em Geografia: Bacharelado (2006) e Licenciatura Plena (2005) pela UFC, e Especialização em Auditoria Ambiental (CENTEC, 2012). Tem experiência na área de Geociências / Geografia Física, especialmente em Geomorfologia Estrutural, Ambiental e Aplicada.
Publicado
2014-12-06
Seção
Artigos