ANÁLISE MORFODINÂMICA DA PONTA DO CABO BRANCO – JOÃO PESSOA (PB)

  • Flávia Marcella Monteiro de Carvalho Pedrosa
  • Marcelo dos Santos Chaves
Palavras-chave: Geomorfologia costeira, dinâmica costeira, morfodinâmica, monitoramento.

Resumo

O estudo da dinâmica costeira tem se tornado cada vez mais importante para possibilitar a compreensão da geomorfologia costeira. Este trabalho traz o estudo e análise de dados morfodinâmicos coletados durante uma pesquisa PIBIC, entre 2007 e 2008. O local escolhido para a pesquisa foi a Ponta do Cabo Branco, tanto por possuir uma acentuada dinâmica costeira, quanto por ser um ponto turístico muito forte por causa da Falésia do Cabo Branco (que faz parte da Ponta do Cabo Branco). Os trabalhos de campo da pesquisa foram realizados mensalmente, entre setembro de 2007 e agosto de 2008, sempre em dia de lua cheia de sizígia. A metodologia de campo foi a realização de perfis de praia (perfis topográficos) com o uso de nível, tripé, mira graduada, trena de 30 metros e piquetes. Os dados recolhidos na planilha de nivelamento topográfico foram trabalhados a partir do Excel, e geraram gráficos de perfis praiais. Esses perfis permitem a visualização da diferença morfodinâmica entre um mês e outro. A partir da análise comparativa dos perfis, verifica-se que há uma tendência erosiva entre setembro e fevereiro, e uma tendência progradacional entre maio e agosto. Isto pode ser considerada uma tendência ao equilíbrio, já que a praia passa por processos erosivos em uma época do ano, e processos progradacionais em outra época. Apesar de possuir esta tendência, a Ponta do Cabo Branco apresenta indícios de processos erosivos mais significativos, já que os processos deposicionais não dão conta de repor os sedimentos retirados pela erosão. Para poder afirmar qual o processo é dominante, se faz necessário um estudo contínuo da área; o monitoramento costeiro deve ser realizado por no mínimo um ano, mas quanto mais tempo de estudo mais certeza se pode ter acerca dos processos atuantes. Palavras – chave: geomorfologia, monitoramento, costeira, morfodinâmica.
Publicado
2010-04-25
Seção
Artigos